Qual a importância da gestão de estoque e como fazê-la?

Por: Renata Scaff
Qual a importância da gestão de estoque e como fazê-la?

Aqui você encontra:

Os produtos de uma empresa representam o capital investido no negócio. Nesse sentido, a gestão de estoque é um aspecto fundamental para seu negócio.

Com um bom gerenciamento dos seus produtos, é possível atender às demandas com mais agilidade e qualidade. Estes benefícios reduzem significativamente os custos no processo, desde a compra das mercadorias até o envio ao consumidor.

Portanto, ao longo deste artigo, vamos descobrir o que é gestão de estoque, quais benefícios essa prática pode trazer para seu negócio e algumas dicas para realizá-la de forma eficiente. Pronto para começar?

O que é gestão de estoque?

Gestão de estoque é a organização da área de armazenamento em que ficam os produtos antes da venda. Ela diz respeito ao gerenciamento desses artigos que estão guardados, esperando para serem vendidos.

A gestão de estoque envolve mais do que o espaço propriamente dito. É por meio dela que se tem conhecimento da quantidade a ser encomendada, que se faz a programação de novas compras, de datas de entrega e do agendamento com fornecedores, por exemplo.

Dessa forma, vemos o quão essencial é o monitoramento diário de entrada e saída de produtos para evitar futuras complicações.

Qual a importância de fazer a gestão de estoque?

Como vimos na introdução do artigo, o gerenciamento de estoque pode trazer benefícios importantes para uma empresa. Vamos conhecê-los em detalhe:

1. Satisfação do cliente

Ao gerenciar seu estoque, você pode impactar até mesmo o atendimento ao seu consumidor final. Isso porque você terá mais agilidade para tirar eventuais dúvidas e para levar informações ao público.

Independentemente de qual seja o segmento da sua empresa, o objetivo sempre será o de satisfazer o cliente. Por isso, mantenha as informações sobre o estoque em dia para garantir que sua operação seja eficiente!

2. Ordem de produção e entregas

Como consequência da boa gestão de estoque, é possível saber os produtos que você ainda tem e planejar o próximo pedido aos fornecedores. Além disso, essa organização garante maior efetividade das entregas, pois, se há o controle sobre a produção, há também pontualidade nos pedidos.

3. Relatórios

Produzir relatórios a respeito do seu estoque pode te ajudar a planejar ações, analisar dados e suavizar o impacto de eventuais problemas. Dessa forma, todas as necessidades e obrigações ficam claras para o responsável por cada área do negócio.

5 dicas para o gerenciamento de estoque

Agora que já entendemos o que é e quais as vantagens de fazer a gestão de estoque, confira algumas dicas para gerenciar seus produtos:

1. Liste e organize todos os produtos

A primeira coisa a ser feita é conferir se todos os itens estão cadastrados em uma planilha ou software automatizado.

Para facilitar a visualização e movimentação do estoque, separe os produtos por categorias e subcategorias de acordo com suas características. Não se esqueça de inserir a data de validade de cada um dos artigos!

2. Controle rígido

Não deixe de registrar todas as entradas e saídas de produtos. Assim, você minimiza ao máximo a possibilidade de erros futuros.

Por exemplo, você não acompanhou quais produtos foram vendidos em sua loja virtual. Seu registro não estava em dia e, portanto, ainda constava em seu e-commerce que havia mais duas unidades de determinado item. Agora, imagine que um cliente comprou, pagou e, só então, você notou que não havia mais daquela mercadoria para vender.

Uma situação desagradável como essa para seu cliente, de a compra atrasar ou ter que ser cancelada, pode ser evitada se você tiver controle rígido sobre seu estoque.

3. Analise o histórico de vendas

A partir dos produtos que têm mais saída ou daqueles que ficam encalhados no estoque, você vai se programar para não perder vendas por falta de mercadorias ou para ficar com mais artigos ainda parados. Atente-se também ao caso de produtos sazonais, ou seja, aqueles que vendem muito mais em determinada época do ano.

4. Atenção aos fornecedores

Atenção à disponibilidade e cumprimento de prazos de entrega por parte dos fornecedores. Assim, você evita a falta de mercadorias no seu e-commerce.

Se a entrega do fornecedor atrasar, atrasará também a entrega ao cliente, e sua empresa pode vir a ser prejudicada por isso.


Saiba mais...

5. Planejamento

Na hora de definir o local onde seus produtos serão armazenados, escolha um ambiente de fácil acesso e boa visualização. Assim, fica mais simples para organizá-los.

Para conhecer os principais métodos de controle de estoque, confira nosso artigo completo sobre o tema:


Saiba mais...

Tudo certo para gerenciar seu estoque?

Com a gestão de estoque, uma empresa pode se planejar melhor. A partir do conhecimento da quantidade de produtos que possui, é possível calcular entrada e saída de mercadorias e analisar as demandas do mercado no seu segmento. Com essas informações, fica mais fácil prever desvios e também o lucro ao fim do mês.

Você pode organizar seu estoque manualmente, por meio de planilhas, mas também existem ferramentas para automatizar a gestão dos seus produtos, além de serviços como a geração de notas fiscais e de suporte.

Então, está pronto para organizar seu estoque e ter uma gestão mais eficiente da sua loja virtual?

Faça como +60mil lojas e
crie a sua Nuvemshop

Testar 30 dias grátis
Crie a sua loja na Nuvemshop

Sabemos que migrar sua loja não é uma decisão simples.

Descubra os benefícios e facilidades que a Nuvemshop oferece exclusivamente para migrações.

Saiba mais sobre a migração