O que é método FIFO e para que ele serve?

Por: Nuvemshop

Homem arrasta carrinho por armazém, representando o método FIFO

FIFO é um sistema de armazenagem que organiza as mercadorias, fazendo com que as primeiras a entrar sejam as primeiras a sair do estoque. A sigla significa “First In, First Out”, ou “primeiro a entrar, primeiro a sair” (PEPS), e suas principais vantagens são a redução de custos e a agilidade para os processos logísticos.


Para quem atua com logística ou trabalha com cadeia de suprimentos, certamente já conhece o termo FIFO. Porém, para quem está começando no empreendedorismo ou tem anseios de criar uma loja virtual, saber sobre esse conceito pode ajudar a garantir um bom gerenciamento do seu negócio.

Planejar e manter a estocagem organizada traz benefícios para a empresa no manuseio, transporte e gerenciamento das mercadorias. Por isso, conhecer métodos de organização como o FIFO (ou PEPS) é importante para otimizar essa etapa.

Portanto, para esclarecer todas as dúvidas referente a esse assunto, vamos te apresentar o que é FIFO, como é seu funcionamento e as suas vantagens. Então, continue a leitura e entenda mais sobre o assunto!

Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

O que é FIFO (ou PEPS)?

FIFO é uma sigla que vem do inglês e significa “First In, First Out”, ou “Primeiro a Entrar, Primeiro a Sair” — vindo daí o acrônimo PEPS. Esse é um método de organização de estoque que, como o próprio nome diz, visa a estimular que mercadorias que estão armazenadas há mais tempo sejam comercializadas antes.

O sistema, então, tem como foco manter a ordem e a rotatividade dos produtos de uma empresa.

Pensando na prática, imaginemos que um supermercado recebe uma grande remessa de laticínios e, alguns dias depois, chega uma nova encomenda. Nesse caso, é preciso saber qual será o lote vendido primeiro e, por meio do FIFO, é possível promover a organização do armazém de modo a colocar a mercadoria antiga sempre na frente para ser comercializada.

Ao usar um sistema de gerenciamento de armazém, também conhecido como WMS, a organização pode ser feita por meio do software, pois ele mesmo reconhece a data de entrada das mercadorias e ajusta a ordem no momento da expedição. Cabe à sua equipe apenas ir até o local indicado pelo sistema e pegar os itens que devem ser vendidos antes.

Porém, não se esqueça de tomar cuidado com o processo de controle de estoque que você criar para a sua empresa. De acordo com o layout e a estrutura do local, alguns produtos podem cobrir outros e, assim, dificultar a visão. Então, fique atento à localização dos itens!

Quais os benefícios de utilizar o método FIFO?

Existem vários benefícios em utilizar o método FIFO na sua empresa. Vamos conhecer as principais vantagens dessa forma de organização:

Aumento de lucro

Com a utilização do FIFO (ou PEPS), existe uma redução de desperdício e das chances de quebras dos itens. Isso diminui drasticamente a necessidade de compra de mais produtos e matéria-prima para produção, além de impulsionar o fluxo de vendas e aumentar o faturamento.

Prazos de entrega competitivos

Todos nós sabemos que o ramo do e-commerce está cada vez mais competitivo e, para manter o seu destaque, é fundamental garantir a qualidade dos seus produtos. Porém, mais que isso, mantenha o tempo de entrega de acordo com o que for previsto no pedido.

Cumprir o prazo pode parecer algo óbvio, mas isso é algo que impacta diretamente na hora de o cliente decidir entre a sua marca e o concorrente. Um consumidor satisfeito sempre irá preferir a sua empresa e isso gera uma imagem positiva. Por isso, ter esse controle é essencial para o crescimento do seu negócio.

Mais agilidade nos processos

Com o FIFO, você sabe a prioridade dos itens que devem ser comercializados e essa ação facilita o seu dia a dia. Imagine como é prático não precisar conferir as datas sempre que um pedido novo chegar na empresa?

Por isso, a agilidade e o planejamento antecipado são algumas das vantagens mais interessantes quando falamos no método FIFO.

Diminuição da taxa de desperdício de produtos

Quando optamos pelo FIFO, existe ainda mais garantia de que o cliente irá receber um produto em bom estado e a empresa repassará itens dentro da data de validade.

Você pode usar cores para identificar a chegada dos itens por lote e, dessa forma, os funcionários terão um direcionamento mais claro e vão evitar o desperdício. Então, faça um inventário e registre as datas da forma correta no sistema.

Padronização entre os processos

Quando fizer a implementação do FIFO na sua empresa, é preciso enviar um comunicado para que todos os envolvidos da equipe conheçam as novas regras. Dessa forma, você consegue criar um padrão para manter a uniformidade dos processos.

Quais são os outros tipos de sistemas de armazenagem?

Além do FIFO (ou PEPS), existem outros sistemas de armazenagem que servem para diferentes tipos de produtos. Por isso, é importante conhecê-los e aprender a diferenciá-los. Veja mais:

LIFO (Last in, First Out)

A sigla LIFO significa “Last In, First Out”, ou seja, “Último a entrar, primeiro a sair”. Sua principal característica é auxiliar as empresas a organizarem os produtos que não possuem prazo de validade. Assim, não é necessário se preocupar com a venda de produtos impróprios para uso ou consumo.

FEFO (First Expired, First Out)

Já no caso do FEFO, a validade é o principal fator de análise e a sigla significa “First Expired, First Out”, em tradução para português “primeiro a vencer, primeiro a sair”. Por isso, quando o item se encontra próximo da data de vencimento, ele precisa ser vendido o quanto antes. Esse método é geralmente usado no setor de alimentos.

Quando optar pelo FIFO para o estoque?

O FIFO é um método extremamente importante para empresas, não importa o porte e tempo de funcionamento. Porém, ele não será sempre o mais indicado.

Ele é especialmente recomendado para negócios que trabalham com produtos perecíveis e com alto giro de estoque, ou seja, com um fluxo de entrada e saída de mercadorias intenso. Um bom exemplo disso são os supermercados.

Cabe a você analisar a natureza dos produtos que comercializa e entender o que faz mais sentido para o seu negócio.

Por exemplo, se você trabalha com mercadorias com prazo de validade muito curto, o FEFO será mais indicado. Já no caso de eletroeletrônicos, por exemplo, o FIFO é ideal, já que os itens que chegaram há mais tempo no armazém são os ideais para serem comercializados antes.

Resumo

Agora que você já sabe o que é FIFO, pode avaliar se esse sistema é adequado para o seu negócio e investir nesse método capaz de trazer tantos benefícios.

Para que o conhecimento se fixe ainda mais, confira um breve resumo que preparamos para você:

O que é FIFO (ou PEPS)?

FIFO é um sistema de armazenagem que organiza as mercadorias, fazendo com que as primeiras a entrar sejam as primeiras a sair do estoque. A sigla significa “First In, First Out”, ou “primeiro a entrar, primeiro a sair” (PEPS.

Quais os benefícios de utilizar o método FIFO?

  • Aumento de lucro
  • Prazos de entrega competitivos
  • Mais agilidade nos processos
  • Diminuição da taxa de desperdício
  • Padronização entre os processos

Quais são os outros tipos de sistemas de armazenagem?

  • LIFO (Last in, First Out)
  • FEFO (First Expired, First Out)

Faça o teste e use a Nuvemshop por 30 dias para criar a sua loja virtual. Se já tem a sua, que tal migrar e conhecer todas as vantagens que a plataforma líder de e-commerce na América Latina pode te oferecer? Garantimos que você vai gostar! 💙

Aqui você encontra:

Faça como +90 mil lojas e
crie a sua Nuvemshop

Testar 30 dias grátis
Crie a sua loja na Nuvemshop

Quer mudar de vida vendendo pela internet?

Crie agora sua loja virtual com a Nuvemshop e venda de maneira profissional.

Testar 30 dias grátis

Nosso site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao acessar o site da Nuvemshop, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies