Como montar uma loja de artigos religiosos e por que vale a pena

Por: Alejandro Vázquez

mulher orando representa como criar uma loja de artigos religiosos

Os negócios que envolvem a fé atravessam qualquer crise, porque o ser humano nunca deixa de exercer sua devoção. Pensando nisso, vale a pena aprender como montar uma loja de artigos religiosos e empreender nesse ramo.

Trata-se de um setor delicado, já que lida com as crenças e rituais das mais diversas religiões. No entanto, para quem tem alguma familiaridade com o assunto, é uma grande oportunidade de lucrar com um propósito espiritual.

Então, vamos ao nosso guia de como montar uma loja de artigos religiosos, com direito a passo a passo, panorama do setor e dicas para começar. Continue a leitura e aproveite! 👀

Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

O que é uma loja de artigos religiosos?

Uma loja de artigos religiosos é um negócio, online ou físico, que comercializa produtos voltados às diferentes crenças e rituais praticados pelo consumidor. Essas empresas podem ser direcionadas ao público católico, evangélico, espírita, umbandista, candomblecista, esotérico, budista, entre outros.

No Brasil, um país de maioria cristã, os negócios católicos e evangélicos lideram o mercado no quesito volume de vendas e tamanho do público-alvo. No entanto, religiões minoritárias, como as afro-brasileiras, também têm um público devoto que busca produtos para exercer sua fé.

Logo, é possível montar uma loja de artigos religiosos mirando em diferentes nichos de mercado. Geralmente, os empreendedores que procuram esse segmento têm certa afinidade com uma crença específica e criam um negócio voltado à comunidade religiosa da qual já participam.

Mas, com o crescimento do mercado de artigos religiosos, qualquer pessoa pode abrir um negócio desse tipo e prosperar, desde que entenda as particularidades do ramo e tenha uma boa gestão.

O que é preciso para montar uma loja de artigos religiosos?

Para entender como montar uma loja de artigos religiosos do zero, você precisa definir, primeiramente, se o negócio será online ou físico. Veja a seguir o que será necessário para iniciar as operações em cada um dos casos:

Se você quer montar uma loja física

Para montar uma loja de artigos religiosos em um ponto de venda físico, você precisará de:

  • Um nome e uma marca própria;
  • Uma localização estratégica;
  • Capital inicial para investir na estrutura e iniciar as operações;
  • Funcionários (no mínimo, um atendente e um caixa);
  • Mobília, como estantes, prateleiras, gôndolas, mesas, cadeiras etc.
  • Equipamentos, como computadores, ar-condicionado, maquininha de cartão etc.
  • Espaço para armazenamento do estoque no ponto de venda;
  • Estoque inicial com o mix de produtos escolhido;
  • Papelaria da empresa, incluindo cartões de visita, envelopes, flyers etc.
  • Serviços recorrentes como internet, telefone, limpeza e manutenção;
  • Decoração da loja, vitrine e fachada.

Se você quer montar uma loja online

Agora, se a sua ideia é montar uma loja de artigos religiosos online, os itens necessários são:

💡 Saiba mais: O que é melhor, abrir uma loja física ou virtual?

Como você deve ter notado, é mais simples e barato abrir uma loja virtual de artigos religiosos do que começar com um estabelecimento físico. Se você escolher uma plataforma de e-commerce completa e de valores acessíveis como a Nuvemshop, fica ainda mais fácil iniciar um negócio pela internet.

Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

Quanto fatura uma loja de artigos religiosos?

Uma loja de artigos religiosos fatura, em média, entre R$ 30 mil e R$ 70 mil por mês no Brasil. Essa estimativa foi feita com base no faturamento da maior rede de franquias de artigos religiosos do Brasil, a Origem da Fé.

No entanto, é importante ressaltar que esse valor diz respeito apenas à receita bruta da empresa. Ou seja: o valor recebido pelas vendas sem a dedução dos custos que o franqueado tem mensalmente.

Para identificar o lucro do negócio, é preciso descontar todos os gastos para mantê-lo funcionando, como o valor do estoque, royalties, folha de pagamento dos funcionários, custos de manutenção da loja etc. Pensando na realidade da franquia usada como parâmetro, podemos estimar um lucro entre R$ 5 mil e R$ 40 mil.

Mas é claro que esse valor vai depender de muitos fatores, como:

  • Se é um negócio online ou físico;
  • Tamanho da loja, se for física;
  • Número de funcionários;
  • Número de itens comercializados;
  • Margem de lucro de cada produto;
  • Valor da locação do ponto de venda ou assinatura da plataforma de e-commerce;
  • Entre outros.

Vale a pena montar uma loja de artigos religiosos?

Sim, vale a pena montar uma loja de artigos religiosos no Brasil, uma vez que a fé é um grande motor de consumo e isso não muda em períodos de crise.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Datafolha, os brasileiros se dividem da seguinte maneira quando o assunto é religião:

  • Católica: 50%;
  • Evangélica: 31%;
  • Não tem religião: 10%;
  • Espírita: 3%;
  • Umbanda, candomblé ou outras religiões afro-brasileiras: 2%;
  • Outra: 2%;
  • Ateu: 1%;
  • Judaica: 0,3%.

Logo, considerando que 89% da população tem uma crença e pratica sua fé, faz sentido investir em um negócio que atende às demandas de produtos ligados à religiosidade.

Porém, por ser um mercado que ainda carece de profissionalização, não há muitos dados atuais sobre o tamanho desse setor no país.

Uma pesquisa realizada pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) em 2012 mostra que o “mercado da fé” fatura acima dos R$ 12 bilhões no país.

No entanto, outro estudo feito pela Associação de Empresas e Profissionais Evangélicos do Brasil (Abrepe) feito em 2018 revela que os evangélicos, sozinhos, movimentam mais de R$ 21,5 bilhões no país.

Assim, podemos concluir que o mercado de artigos religiosos segue uma tendência de crescimento e representa uma oportunidade bilionária para os empreendedores.

Tipos de lojas de artigos religiosos

É muito importante conhecer os diferentes tipos de lojas de artigos religiosos antes de abrir um negócio, uma vez que os segmentos jamais se misturam. Confira os principais nichos que você poderá atender:

Loja católica

O público católico é o mais amplo do país, representando uma grande oportunidade de negócio no ramo de artigos religiosos. Em uma loja católica, você deverá comercializar produtos como:

  • Bíblias;
  • Crucifixos;
  • Terços;
  • Escapulários;
  • Livros católicos;
  • Camisetas;
  • Chaveiros;
  • Canecas:
  • Imagens de santos;
  • Presépios;
  • Velas;
  • Adesivos;
  • CDS e DVDs;
  • Medalhas;
  • Entre outros.

A vantagem desse segmento é que os católicos adoram as representações de seus diversos santos. Por isso, vale a pena investir em imagens em resina, broches, adesivos e outros itens temáticos de divindades.

Loja evangélica

Nas lojas evangélicas, os produtos que fazem mais sucesso são bíblias e livros evangélicos em geral. Além disso, esses estabelecimentos também vendem:

  • Harpas cristãs;
  • Moda evangélica;
  • Envelopes de contribuição;
  • Chaveiros e lembranças;
  • Óleo para unção;
  • Materiais de campanha feitos sob encomenda, como folhetos, chaveiros e pulseiras.

Loja de umbanda e candomblé

As lojas de umbanda, candomblé e outras religiões afro-brasileiras têm um público reduzido no país, mas muito fiel às suas práticas e disposto a adquirir diversos produtos. Veja alguns dos itens mais vendidos nesses estabelecimentos:

  • Imagens de guias e orixás;
  • Artigos africanos, como búzios, penas, favas, palhas, orobos e pós ritualísticos;
  • Essências e óleos para banhos;
  • Cabaças;
  • Gamelas para oferendas;
  • Itens em metal como tachos, guizos, correntes, ferramentas para exu, pilões, ofás, idés etc.
  • Roupas de santo;
  • Livros e oráculos;
  • Incensos e incensários;
  • Itens de tabacaria, como cachimbos, charutos e cigarrilhas.

Loja esotérica

Por fim, existe ainda uma categoria de loja de artigos religiosos que atende ao público místico e esotérico de forma geral. Entre os produtos comercializados nesse segmento, estão:

  • Cristais e pedras;
  • Banhos de ervas;
  • Incensos;
  • Mandalas e filtros dos sonhos;
  • Livros sobre esoterismo, astrologia e ocultismo;
  • Imagens de bruxas, duendes, gnomos e outros seres mágicos;
  • Itens para rituais, como pós, ervas, velas, óleos etc.
  • Pulseiras e amuletos;
  • Tarôs e baralhos;
  • Itens para signos.
Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

Como montar uma loja virtual de artigos religiosos?

Montar uma loja virtual de artigos religiosos é uma ótima forma de começar a lucrar nesse ramo. Veja o passo a passo para criar a sua:

1. Escolha um dos segmentos

O primeiro passo para montar uma loja de artigos religiosos é escolher um dos segmentos de acordo com a religião do público-alvo. Lembrando que a empresa deve ser dedicada a uma única crença ou práticas semelhantes, pois o consumidor religioso não se sente confortável em comprar produtos onde há itens de outros tipos de cultos.

2. Selecione uma plataforma de e-commerce

Escolher a plataforma de e-commerce certa é fundamental para ter sucesso com uma loja online de produtos religiosos. Com a Nuvemshop, você tem as seguintes vantagens:

  • Confiabilidade de uma plataforma com mais de 90 mil lojistas ativos e mais de R$ 5,8 bilhões em vendas por toda a América Latina;
  • Recursos para montar uma loja em menos de 10 minutos, sem precisar de conhecimentos técnicos ;
  • Diversos layouts profissionais;
  • Planos e preços que cabem no bolso;
  • Dezenas de integrações para potencializar a loja;
  • Soluções de frete e pagamentos online conectadas.
Crie sua loja virtual
Testar 30 dias grátis

3. Estude o público-alvo

Para abrir uma loja de artigos religiosos, é importante conhecer bem seu público-alvo e entender suas dores, necessidades e preferências. Para isso, você pode criar personas, que são personagens semifictícios que representam seu cliente ideal.

💡 Saiba mais: Buyer persona: como identificar seu cliente ideal?

4. Encontre fornecedores

Outro ponto essencial para um negócio de artigos religiosos é a escolha dos fornecedores. Procure empresas que oferecem uma boa margem de negociação, entregam no prazo e já têm uma boa reputação no mercado pela qualidade de seus produtos.

📘 Confira o e-book: Gestão de fornecedores: onde encontrá-los e como administrar o relacionamento

👉 Ferramenta grátis: Lista de fornecedores

Você ainda tem a opção de trabalhar com estoque terceirizado — o chamado dropshipping. Nesse modelo, você se responsabiliza pela venda dos produtos e atendimento ao cliente, enquanto o fornecedor se encarrega de separar e enviar os produtos adquiridos aos clientes.

💡 Saiba mais: Dropshipping com a Nuvemshop: tudo o que você precisa saber

5. Abra sua empresa

Para vender artigos religiosos, você terá que formalizar sua empresa e obter um CNPJ. Essa etapa é essencial para regularizar o negócio, emitir nota fiscal e atender seus clientes com profissionalismo.

💡 Saiba mais: Como abrir uma empresa: o passo a passo definitivo (2022)

Se você quiser começar sozinho ou com até um funcionário, é possível se tornar microempreendedor individual (MEI) com o CNAE 4789-0/99 – comércio varejista de outros produtos não especificados anteriormente. Lembrando que o limite de faturamento anual para essa modalidade é de R$ 81 mil.

Agora, se pretende ter sócios, faturar mais ou contratar mais pessoas, é indicado começar nesse ramo como ME (microempresa) por meio do CNAE (Classificação de Atividades Econômicas) 4789-0/9 — comércio varejista de artigos religiosos e de culto.

💡 Saiba mais: Quais são os tipos de empresa e suas características principais?

6. Crie sua marca

Ter uma marca própria é uma forma de fixar seu negócio na mente do consumidor e construir uma imagem positiva no mercado. É o processo que chamamos de branding, que faz toda a diferença para o sucesso da empresa.

Para começar, você precisa de um nome marcante, um logotipo que expresse os valores da marca e uma identidade visual. Assim, você consegue personalizar sua loja virtual e se diferenciar da concorrência.

👉 Ferramenta grátis: Gerador de nomes

E, para criar uma identidade visual irresistível, use nossas paletas de cores gratuitas:

Banner com botão clicável direcionando para o gerador de paleta de cores grátis

7. Divulgue seu negócio

Com a loja virtual de artigos religiosos no ar, o próximo passo é atrair clientes para decolar suas vendas. Veja algumas dicas de marketing digital para alcançar mais pessoas e promover sua marca online:

  • Divulgue sua loja de artigos religiosos em redes sociais, como Facebook, Instagram, Twitter, YouTube e Tik Tok;
  • Use o marketing de conteúdo para atrair clientes com informações relevantes sobre a religião escolhida, como mensagens bíblicas, orações e preces;
  • Faça remarketing para exibir anúncios e ofertas aos consumidores que visitaram sua loja ou abandonaram o carrinho antes de fechar a compra;
  • Use o SEO (Search Engine Optimization ou Otimização para Mecanismos de Busca) para otimizar seus conteúdos e ficar bem posicionado no Google quando seus clientes pesquisarem por palavras-chave relacionadas à sua loja.

💡 Saiba mais: 15 estratégias de marketing digital para promover o seu negócio

Se tiver dúvidas sobre a criação da loja, baixe nosso e-book gratuito com todas as instruções:

Entendeu o que é preciso para montar uma loja de artigos religiosos?

Se você chegou até aqui, já tem plenas condições de montar seu plano de negócio e abrir sua loja virtual de artigos religiosos. Lembre-se de encontrar um diferencial competitivo para se destacar da concorrência e criar um relacionamento próximo com seus clientes, uma vez que as vendas relacionadas à religião exigem um componente emocional.

Agora, dê o próximo passo e escolha a melhor plataforma de e-commerce do mercado para potencializar seu negócio. Crie sua loja virtual na Nuvemshop e aproveite seus 30 dias gratuitos para testar todos os recursos. E não se preocupe com a parte técnica: qualquer pessoa consegue criar uma loja do zero! 💙

Aqui você encontra:

Perguntas frequentes sobre como montar uma loja de artigos religiosos

Uma loja de artigos religiosos é um negócio, online ou físico, que comercializa produtos voltados às diferentes crenças e rituais praticados pelo consumidor. Essas empresas podem ser direcionadas ao público católico, evangélico, espírita, umbandista, candomblecista, esotérico, entre outros.

Uma loja de artigos religiosos fatura, em média, entre R$ 30 mil e R$ 70 mil por mês no Brasil.

  1. Escolha um dos segmentos;
  2. Selecione uma plataforma de e-commerce;
  3. Estude o público-alvo;
  4. Encontre fornecedores;
  5. Abra sua empresa;
  6. Crie sua marca;
  7. Divulgue seu negócio.

Faça como +90 mil lojas e
crie a sua Nuvemshop

Testar 30 dias grátis
Crie a sua loja na Nuvemshop

Quer vender artigos religiosos pela internet?

Crie sua loja virtual na Nuvemshop em poucos minutos e alcance muitos clientes!

Criar minha loja

Nosso site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao acessar o site da Nuvemshop, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies