O que é persona e como criar uma para o seu negócio?

Por: Talitha Adde

imagem que simplifica o que é persona com um gráfico e avatares que representariam o cliente ideal

Aqui você encontra:

 

Persona é a representação semifictícia do cliente ideal de uma marca ou empresa. Também conhecida como buyer persona ou avatar, ela é fundamentada por informações reais sobre comportamento e características demográficas dos consumidores.


Você sabe o que é persona e como criar a sua? Se você pensa em começar um negócio online, precisa saber quem são os seus clientes. Conhecer quem já comprou ou ainda vai comprar em sua loja virtual é essencial não só para o desenvolvimento de produtos ou serviços, mas também para atrair novos consumidores por meio do marketing de conteúdo.

Ao trabalhar com estratégias de marketing digital para conquistar novos clientes, a dica é definir quem é o seu público-alvo. Assim, é possível criar conteúdos assertivos para que as pessoas conheçam o seu produto ou serviço.

Caso contrário, você estará criando materiais para blog, e-mail marketing ou para redes sociais (Instagram e Facebook) que não dialogam com seus potenciais compradores. E, quando isso acontece, dificilmente um cliente se interessará pelo seu negócio.

No entanto, saber apenas informações como renda, gênero e localização não é suficiente para ter sucesso em um mercado tão competitivo. E é aí que entra a necessidade de criar uma persona, ou seja, definir quem é o seu comprador ideal, com características, hábitos de consumo, desejos e necessidades.

Ao longo deste artigo você descobre o que é e como criar a persona do seu negócio. Então, vamos nessa?

📹 Veja também: Cinco passos do marketing digital para iniciantes

O que é persona?

Persona é a representação semifictícia do cliente ideal de uma marca ou empresa. Também conhecida como buyer persona ou avatar, ela é fundamentada por informações reais sobre comportamento e características demográficas dos consumidores.

Em outras palavras, a persona pode ser entendida como a criação de um personagem, que resume as principais características dos seus clientes.

Ao construí-la, você deve trabalhar com dados concretos — e não com suposições. Então, pesquise quem são os seus clientes para que você possa criar uma persona que te ajude a compreender o comportamento do seu consumidor.

Qual a diferença entre persona e público-alvo?

Se você está estruturando um negócio, é normal que se pergunte qual é a diferença entre persona e público-alvo. Apesar de serem conceitos relativamente parecidos, é importante ressaltar que eles não são sinônimos.

De modo geral, o público-alvo representa uma parcela abrangente da sociedade para quem você vende (ou gostaria de vender) os seus produtos. Já a persona, como já mencionado anteriormente, é a representação do seu cliente ideal, de forma mais humanizada e personalizada.

Agora, veja um exemplo prático:

Persona

Cecília tem 28 anos e é formada em Jornalismo. Trabalha em uma grande revista e ganha entre R$ 5 e R$ 6 mil reais por mês. Adora comprar sapatos online e está sempre acompanhando blogueiras pelo Instagram. Sua principal dificuldade é a de encontrar calçados do seu número, já que usa 33/34. Mora em São Paulo e gosta de se vestir bem em qualquer ocasião.

Público-alvo

Mulheres entre 25 e 35 anos, que tenham formação superior. Ganham de R$ 4 a R$ 6 mil reais por mês. Residem nas regiões Sul e Sudeste e compram sapatos online.

Conseguiu notar a diferença?

Tipos de personas

Após entender o que é persona, vamos conhecer os diferentes tipos que existem. Confira-os a seguir:

Buyer persona

A buyer persona é a personificação do seu consumidor ideal. Para construí-la, é preciso coletar dados reais sobre comportamento, hábitos de consumo, combinados com características demográficas dos seus consumidores.

Audience persona

Para quem busca brand awareness, ou seja, reconhecimento de marca, construir a audience persona do seu negócio é essencial. Isso porque, a audiência pode ter um perfil diferente do comprador em casos de interação entre marcas e usuários no ambiente digital .

Para isso, você pode criar a audience persona que represente quem segue as suas redes sociais, por exemplo.

Brand persona

A brand persona retrata a sua própria empresa. Ao construí-la, a ideia é humanizar a sua marca, criando um personagem com características reais e que represente os valores e a visão do negócio.

Um exemplo é a Netflix. A comunicação da marca nas redes sociais é feita de forma humanizada e está ligada aos interesses dos consumidores. Veja:

Por que criar uma persona?

Ter a personificação do seu cliente ideal é essencial para atrair mais consumidores com estratégias de marketing e vendas.

Uma persona bem definida ajuda no direcionamento da mensagem certa para o cliente, conseguindo criar uma comunicação e um relacionamento muito mais próximo e assertivo.

Além disso, ter a persona do seu negócio definida traz outros benefícios para a sua empresa, como:

Entender melhor o público

Criar a persona do seu negócio permite que você se coloque no lugar do cliente. Assim, é possível entender o que ele busca na internet para comprar, qual a principal forma de comunicação (redes sociais, WhatsApp, e-mail), a dor/problema que ele tem (e como a sua empresa pode ajudar) e, principalmente, os valores que o motivam a comprar.

Com essas informações, você consegue criar uma linguagem mais personalizada, o que pode ajudar a convencer o consumidor a comprar de seu negócio.

Definir o preço do produto

Outra vantagem de ter a persona do seu negócio estabelecida é definir o preço de seus produtos ou serviços

Ao construir uma persona é importante que você entenda qual é a renda do público-alvo.

Isso ajudará a entender melhor se você está oferecendo as suas soluções para as pessoas certas, além de definir um valor adequado conforme a realidade financeira de seus clientes.

💡 Saiba mais: Guia completo sobre precificação de produtos: fórmulas, planilhas e ferramentas

Escolher canais de comunicação

Definir uma persona também envolve estudar quais canais de comunicação o seu público utiliza para se informar, comprar e se entreter.

Após entender esse comportamento, é importante garantir que a sua marca esteja presente em cada um deles para se comunicar de maneira objetiva com os clientes.

Direcionar a linguagem do conteúdo

Entender o que é persona e a sua influência nas estratégias digitais ajuda no direcionamento da linguagem e do tom dos conteúdos.

Se você identificou que o seu público-alvo são adultos de até 50 anos, por exemplo, não é recomendado que utilize muitas gírias e gifs.

Como criar personas?

Para criar personas, é fundamental, além de definir nomes fictícios, notar diversos atributos, tais como:

  • Idade, gênero, localização e profissão;
  • Poder aquisitivo;
  • Formação e nível de instrução;
  • Características psicológicas;
  • Desejos e aspirações pessoais e, até mesmo, profissionais;
  • Interesses e hobbies;
  • Hábitos online;
  • Redes sociais preferidas;
  • Crenças e estilo de vida;
  • Dores e dificuldades encontradas no dia a dia.

Agora, vamos a um passo a passo básico para criar uma persona para o seu negócio:

1. Reúna dados sobre seus clientes

As informações para criar uma persona devem ser coletadas a partir de entrevistas (caso você conheça pessoalmente alguns de seus clientes ou se sinta confortável para realizá-las por telefone) e/ou formulários que podem ser apresentados em pop-ups no site do seu negócio ou enviados por e-mail.

Uma boa estratégia é oferecer incentivos, como cupons de desconto ou de frete grátis para que os usuários se sintam motivados a responder às questões.

Lembre-se de criar perguntas mais objetivas, que não abram margem para textos muito longos.

Nesse processo, você provavelmente perceberá que uma marca pode ter mais de uma buyer persona. Entretanto, não é preciso exagerar: de duas a três é um bom número para começar. Foque nos perfis predominantes, ok?

2. Análise as informações coletadas

Após fazer a pesquisa de mercado, chegou a hora de analisar as informações que você tem em mãos. A dica é ver os dados que se repetem de maneira contínua no formulário.

Para isso, monte uma tabela no Excel. Com ela, pode ser mais fácil apurar dados em comum.

Neste caso, você poderá observar informações recorrentes, como:

  • Escolaridade;
  • Profissão;
  • Renda;
  • O que compram dos seus concorrentes.

3. Estruture a persona

Depois da análise, é a vez da persona “ganhar vida”. Reúna as informações que se repetem (e que são mais relevantes para o seu negócio) para criar um nome, história de vida e listar hábitos de consumo e comportamentos desse cliente.

A dica para esta etapa é pensar na persona como um cliente real, que vai se engajar com o conteúdo, interagir com a marca e comprar de você.

Como criar uma persona sem clientes?

Como criar uma persona se você ainda está no processo de criar um site de vendas? Essa é uma excelente pergunta. A boa notícia é que, para isso, não existem barreiras: basta utilizar outros métodos de pesquisa!

Você pode, por exemplo:

Analisar os seus concorrentes

Analise os seus concorrentes para entender o perfil do público semelhante ao do seu negócio. Observe como buscam produtos na internet, quais canais de comunicação utilizam, etc.

💡 Saiba mais: O que é análise da concorrência e como fazer para se destacar?

Fazer uma pesquisa de mercado

Faça uma pesquisa de mercado, com perfis que se encaixem com o público que você deseja atingir. Para isso, utilize questionários, que podem ser respondidos por meio de entrevistas, e-mail ou nas redes sociais.

Com essas informações, é possível criar a sua persona!

Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

Como criar estratégias de marketing para a persona?

Com a persona do seu negócio definida, agora chegou a vez de criar as estratégias de marketing do seu negócio. Veja alguns exemplos de como criar estratégias de marketing para a persona:

1. Otimize o layout do site

Ao pensar no layout do site, você deve considerar quais são os conteúdos mais importantes para a persona para melhorar a experiência do usuário. Além disso, é importante descobrir como o cliente navegaria pelas páginas.

Dessa forma, é possível determinar que tipo de banner utilizar (texto, gráfico, estático, animado ou vídeo), quais seriam os melhores pontos para CTAs (botões de ações), etc.

2. Promova campanhas pagas

Na criação de campanhas pagas, a persona ajuda a definir a segmentação de público e criar uma mensagem mais atrativa, que realmente se comunique com ela.

3. Produza conteúdo

A persona também guiará a produção de conteúdos da sua empresa,

como artigos de blog e redes sociais (Instagram e Facebook).

Entender as necessidades do seu comprador e se comunicar com ele é uma estratégia eficiente para aumentar as suas vendas sem ter gastos adicionais.

Você pode definir formatos de conteúdo para cada etapa da jornada de vendas para persona do seu negócio. Por exemplo:

  • Aprendizagem e descoberta: produção de artigos para blog, conteúdo em redes sociais, envio de newsletter, etc.
  • Reconhecimento do problema: divulgação e-books e estratégia de e-mail marketing, etc.
  • Consideração do problema: produção de artigos para blogs mais aprofundados, promoção de webinars, etc.
  • Decisão de compra: divulgação de cases de sucesso, testes grátis etc.

4. Invista em estratégias de e-mail marketing

O maior desafio de uma estratégia de e-mail marketing é fazer com que as pessoas abram um e-mail enviado pela sua empresa. E é aí, que entra a necessidade de conhecer a sua persona.

Entender o que desperta a curiosidade e a atenção do seu consumidor é essencial para montar esse tipo de comunicação.

Ao ter isso definido, faça o uso de gatilhos mentais no título do seu e-mail, por exemplo, para gerar maiores taxas de abertura. Eles têm o poder de despertar a curiosidade e chamar a atenção de um consumidor para a sua comunicação.

[Bônus] Exemplos de personas

Agora, vamos te mostrar dois exemplos de personas de lojas virtuais para você se inspirar: uma que vende roupas e outra de cosméticos. Veja a seguir:

Loja virtual de roupas

Vamos supor que você tem uma loja virtual de roupas esportivas com preço acessível. Ao realizar uma pesquisa com os seus clientes, percebeu que a maioria tem entre 20 e 35 anos, com uma renda mensal de aproximadamente R$ 6000. Frequentam a academia e estão preocupados em manter a boa forma física. Além disso, utilizam diversas redes sociais.

Com essas informações, uma das personas mapeadas poderia ser a seguinte:

Pedro tem 29 anos, reside na zona sul de São Paulo e tem renda mensal de aproximadamente R$ 4 mil. Utiliza o Instagram diariamente, é preocupado com sua saúde e em manter a boa forma física. Suas principais dificuldades são encontrar roupas esportivas com preço acessível.

Loja de cosméticos

Aqui, vamos imaginar que você tem uma loja virtual que vende maquiagens, produtos, acessórios e cosméticos em geral.

Depois de uma pesquisa aprofundada do seu mercado, você descobriu que as pessoas que apostariam no seu e-commerce como principal meio de compra são mulheres entre 30 e 48 anos, graduadas, com renda própria, inseridas nas classes A e B, interessadas em saúde, bem-estar e beleza. O WhatsApp é o principal meio de comunicação.

Então, a persona do seu negócio poderia ser:

Ana tem 33 anos, é empresária, reside na zona oeste de São Paulo. Tem renda mensal de aproximadamente R$ 15 mil e utiliza o WhatsApp para pesquisar por cremes rejuvenescentes. Como não tem muito tempo livre, a sua principal dificuldade é encontrar uma loja virtual que atenda as suas necessidades de compra, sem fugir da rotina de trabalho.

Tudo certo em como montar a persona do seu negócio? Então, mãos à obra! ⚒️

Resumo

Esperamos que, ao longo deste artigo, após entender o que é uma persona e como criá-la, você consiga elaborar as melhores estratégias de marketing de conteúdo para atrair clientes.

Antes de ir embora, veja um resumo rápido do artigo:

O que é persona?

Persona é a representação semifictícia do cliente ideal de uma marca ou empresa. Também conhecida como buyer persona ou avatar, ela é fundamentada por informações reais sobre comportamento e características demográficas dos seus consumidores.

Qual a diferença entre persona e público-alvo?

O público-alvo representa uma parcela abrangente da sociedade para quem você vende os seus produtos. Já a persona é a representação do seu cliente ideal, de forma mais humanizada e personalizada.

Tipos de personas

  • Buyer persona
  • Audience persona
  • Brand persona

Por que criar uma persona?

  • Entender melhor o público
  • Definir o preço do produto
  • Escolher canais de comunicação
  • Direcionar a linguagem do conteúdo

Como criar personas?

  • Reúna dados sobre seus clientes
  • Análise as informações coletadas
  • Estruture a persona

Como criar uma persona sem clientes?

  • Analise os seus concorrentes
  • Fazer uma pesquisa de mercado

Como criar estratégias de marketing para personas?

  1. Otimize o layout do site
  2. Promova campanhas pagas
  3. Produza conteúdo
  4. Invista em estratégias de e-mail marketing

E, se você ainda não vende, mas deseja vender pela internet, te convido a fazer um teste de 30 dias gratuitos na plataforma da Nuvemshop e começar a montar sua própria loja virtual. É fácil, rápido e sem a necessidade de conhecimentos técnicos! 💙

Faça como +90 mil lojas e
crie a sua Nuvemshop

Testar 30 dias grátis
Crie a sua loja na Nuvemshop

Pesquisando sobre persona para vender pela internet?

Crie agora sua loja virtual com a Nuvemshop e venda de maneira profissional.

Criar minha loja

Nosso site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao acessar o site da Nuvemshop, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies