O que é CTA? Guia completo para usar na sua estratégia digital

Por: Luiz Piovesana

mulher em um computador clicando em um cta

CTA é sigla para call-to-action — que, em tradução livre, significa “chamada para ação”. O recurso é utilizado para chamar a atenção de um visitante de uma página para realizar uma determinada ação.


Embora as vendas pela internet estejam crescendo, muitos empreendedores ainda se perguntam como atrair clientes para a sua loja virtual. Existem diferentes ações de marketing para aumentar o tráfego do seu site, como a CTA ou call-to-action.

Muito utilizado em e-commerces, e-mails marketing e anúncios, esse recurso tem o poder de incentivar um usuário a realizar uma ação específica, como, por exemplo, comprar um produto após visitar um site de vendas ou ser impactado por um anúncio da marca.

Mas, para que a estratégia funcione, é preciso saber o que é um CTA, como utilizá-lo e, principalmente, conhecer a fundo o seu cliente.

Então, sem mais delongas, vamos ao conteúdo!

O que é CTA?

CTA é sigla para call-to-action — que, em tradução livre, significa “chamada para ação”. A técnica é utilizada para chamar a atenção de um visitante de uma página para realizar uma determinada ação.

Geralmente, um CTA é um link ou um botão, com uma cor de destaque, e utiliza termos no imperativo, como “clique aqui”.

A ferramenta pode ser utilizada para incentivar a compra de um produto, recomendar o download de um e-book, gerar tráfego para outro artigo do blog ou landing page, promover a inscrição em newsletters, assistir um vídeo, entre outros.

No entanto, não basta criar um CTA aleatório. Para que a chamada seja efetiva, existem vários elementos que devem ser estudados, como definir o canal e o formato do call-to-action.

Como escolher o CTA certo?

Após entender o que é CTA, você deve estar se perguntando qual seria o mais efetivo para a sua estratégia, certo?

Pensando nisso, separamos algumas dicas para te ajudar a escolher o melhor formato de acordo com o seu objetivo. Confira a seguir:

1. Analise o estágio do funil de vendas do conteúdo

O primeiro passo, antes de criar um CTA, é entender qual é o estágio do funil de vendas em que o conteúdo está inserido e qual tipo de visitante ele atrai.

Portanto, classifique todos os usuários que interagem com a sua marca para criar uma comunicação efetiva.

Por exemplo, para chamar a atenção de um visitante que teve o primeiro contato com o seu site, seria interessante oferecer um conteúdo que o eduque e o direcione naturalmente para as próximas etapas da jornada de compra, como o download de um e-book, que pode aprofundar mais o tema que chamou seu interesse no primeiro momento.

Para visitantes que já conhecem um pouco mais do seu negócio, ou seja, que estejam mais no meio ou topo do seu funil de vendas, uma possibilidade é criar CTAs para um teste grátis de algum de seus serviços ou para compra de produtos com desconto.

2. Entenda a sua persona

A próxima etapa é entender para qual persona o seu conteúdo está sendo direcionado, ou em outras palavras, saber qual é o perfil consumidor do seu negócio.

Com o seu público definido (idade, renda média, dados demográficos, interesses e problemas), fica muito mais fácil criar uma trilha de conteúdo com CTAs relevantes para que seu cliente tenha mais interesse por sua marca.

3. Defina o formato do seu CTA

O formato do seu CTA é determinante para o sucesso da sua estratégia. Veja a seguir quais são os principais:

Botões

O botão é um dos formatos mais populares de CTA. Geralmente, eles são encontrados em páginas iniciais de site, formulários, campanhas de e-mail marketing, páginas de compra de e-commerce, entre outros.

O objetivo é incentivar uma decisão de ação que já poderia ter sido tomada pelo visitante no instante em que é impactado pela chamada.

captura de tela de e-mail markeing da nuvemshop: exemplo de botão de cta

Banners

Banners como CTAs são bastante utilizados em lojas virtuais, blogs, redes sociais e campanhas de anúncio.

Diferente de um botão, que incentiva uma ação direta, os banners oferecem informações mais completas para promover a conversão. Veja um exemplo do blog da Nuvemshop:

captura de tela de e-mail markeing da nuvemshop: exemplo de banner de cta

Link em textos

Os famosos links internos podem ser utilizados nos posts de blog, páginas de produtos, e-mails, textos, e-books, descrição de vídeos, etc.

Eles são utilizados para facilitar a navegação do usuário em um site, fazendo com que ele seja levado de uma página a outra com fluidez.

Veja uma inspiração para você utilizá-lo:

captura de tela de tela página de blog nuvemshop: exemplo de link interno de cta

No exemplo acima, o objetivo é levar os leitores do blog da Nuvemshop a testarem por 30 dias grátis a nossa plataforma de e-commerce. Aliás, se você está pensando em vender online, mas ainda não tem uma loja virtual, não quer aproveitar essa oportunidade?

Crie sua loja virtual
Testar 30 dias grátis

Onde usar um CTA?

Em uma estratégia de marketing digital são várias as possibilidades de usar CTAs. Mas, lembre-se de que antes de criá-los, é preciso entender quem é o seu cliente e quais são os principais meios de conversão do seu negócio.

Dito isso, vamos conhecer os principais canais em que você pode utilizá-los:

Páginas do site

Se você tem uma loja virtual, deve considerar utilizar CTAs na página inicial do seu site. Isso porque, quando um cliente chega no seu site, é bem provável que ele já tenha interesse naquilo que você comercializa.

Além disso, crie CTAs nas demais páginas da sua loja virtual. Você pode optar por colocá-los para incentivar a promoção de um produto específico. Veja um exemplo da loja F&F Equipamentos Fotográficos:

captura captura de tela loja virtual : exemplo de botão home de site

E-mail marketing

Um dos maiores desafios de quem faz campanhas de e-mail marketing é fazer com que as pessoas se interessem pela sua comunicação. Para ter sucesso com a estratégia, você pode usar um CTA no assunto do e-mail para aumentar a taxa de abertura. Por exemplo:

captura de tela de e-mail markeing da nuvemshop: exemplo de cta no título

Conteúdo

Outro lugar para utilizar CTAs são nos conteúdos que a sua empresa produz, como artigos de blog e redes sociais (Instagram e Facebook, por exemplo).

Dentro do blog, você pode direcionar o leitor para outros conteúdos do seu site. Veja:

captcaptura de tela blog da nuvemshop: exemplo de link de cta

Já nas redes sociais, você pode pedir para que os seus seguidores compartilhem os seus conteúdos, aumentando o alcance da sua marca.

Anúncios

Se você investe em campanhas pagas, os CTAs devem ser seus aliados para gerar mais conversões em seus anúncios.

Como existe um limite de caracteres para anunciar no Google ou Facebook, é preciso ser muito certeiro na escolha das palavras. Confira um exemplo:

captura de tela anúncio google da nuvemshop: exemplo de cta,

5 dicas para criar um CTA de sucesso

Agora, chegou a hora de colocar a mão na massa e dar um passo adiante na sua estratégia. Veja a seguir cinco dicas valiosas para criar um CTA de sucesso:

1. Use gatilhos mentais

Após estabelecer o melhor formato de CTA e o lugar certo para colocar a chamada, é preciso criar um texto interessante para atrair a atenção do leitor e incentivar a ação.

Uma boa prática é utilizar gatilhos mentais — uma técnica que influencia o processo de decisão de compra do cliente — na produção dos seus textos.

Para isso, seja específico no conteúdo e crie senso de urgência. Lembre-se de que nesta etapa você deve mostrar porque aquela ação deve ser feita! Palavras como “hoje” e “agora” mostram o quão fácil e imediata é a ação.

2. Tenha atenção nas cores

As cores do CTA impactam diretamente na realização de uma ação. De à chamada um destaque para que o olhar do seu visitante seja atraído por ela.

Normalmente, cores mais quentes (vermelho, amarelo e laranja) costumam ser mais chamativas, enquanto cores mais frias (como azul e verde) são mais neutras. O ideal para chamar a atenção é optar por cores quentes.

3. Ofereça algo que realmente vale a pena clicar

Ao criar um CTA, leve em consideração que o usuário só vai clicar se for do interesse dele.

Por isso é importante que a oferta da chamada seja de fato atrativa e compensatória, como a promoção de cupons de desconto, download de um material, assistir um vídeo, etc.

4. Combine o CTA com o tom e a voz do seu texto

O seu CTA deve ter o mesmo tom, voz e linguagem que o restante do seu conteúdo. Caso contrário, a sua estratégia pode transmitir uma sensação de suspeita e desconfiança para os seus usuários.

Por isso, se atente a história que está contando e não exagere tentando vender uma solução. As escolhas dos visitantes devem ser influenciadas naturalmente.

5. Faça testes A/B

Para garantir ainda melhores resultados, aposte nos testes A/B. Ou seja, faça pequenas mudanças de layout ou conteúdo do call-to-action e compare os resultados com a versão original para entender qual performa melhor.

Como mensurar resultados de um CTA?

A métrica principal para mensurar os resultados do call-to-acition é a taxa de cliques, ou seja, a proporção de usuários que clicam no CTA em relação ao número total de usuários que visualizam a sua chamada.

Uma maneira de conseguir essa informação é pelo Google Analytics, uma ferramenta de monitoramento e análise de sites.

Por isso, defina a página para onde seu CTA levará o visitante e acompanhe os resultados de acesso na plataforma. A partir disso, faça os ajustes necessários em sua estratégia para atingir maiores números de conversões.

[Bônus] 5 exemplos de CTAs de sucesso

Por fim, mas não menos importante, para te inspirar na criação de CTAs para o seu negócio, trouxemos cinco chamadas de sucesso. Veja-as a seguir:

1. Netflix

Sabe qual é o maior receio de quem contrata um serviço online? Que seja difícil de cancelarcaso não goste do serviço.

Pensando nisso, a Netflix resolveu esse problema com o texto “cancele quando quiser” logo acima do CTA para se inscrever na plataforma.

Importante notar, também, que as cores utilizadas no call-to-action correspondem à identidade visual do Netflix.

captura de tela cta na página inicial da netflix

2. Facebook

O Facebook é a maior rede social de usuários ativos. Para além da sua popularidade, a rede social utiliza a chamada “é rápido e fácil” para incentivar que interessados preencham o formulário de inscrição.

captura de tela cta para cadastro no facebook

3. Pizza Hut

Quem entrar no site da Pizza Hut para escolher uma pizza será impactado com o banner da promoção: “peça já até 40% de desconto”, que direciona para o cardápio da rede.

Esse é um bom exemplo para gerar mais conversões em uma campanha de vendas do seu negócio.

captura de tela cta para oferta da pizza hut

4. Adidas

Está lançando um novo produto em sua loja virtual? Faça como a Adidas, que divulgou as novas chuteiras da marca com um banner na página inicial do seu site com o CTA compre agora.

captura de tela de cta para comprar tênis na Adidas

5. C&A

Se você vende roupas online, aproveitar datas comemorativas é uma boa forma para lucrar mais.

A C&A, por exemplo, com a aproximação do Dia dos Pais, criou uma chamada especial para quem entrar no site em busca de presentes.

captura de tela cta para promoção de dia dos pais da c&a

Resumo

Agora você já sabe o que é um CTA e porque ele é importante em uma estratégia digital. Então, não perca tempo e coloque em prática todas as dicas deste artigo! Mas, antes lembre-se de pesquisar para criar chamadas atrativas.

Antes de ir embora, confira um resumo deste conteúdo:

O que é CTA?

CTA é sigla para call-to-action — que, em tradução livre, significa “chamada para ação”. A ferramenta é utilizada para chamar a atenção de um visitante de uma página para realizar uma determinada ação.

Como escolher o CTA certo?

  1. Analise o estágio do funil de vendas do conteúdo
  2. Entenda a sua persona
  3. Defina o formato do seu CTA

Onde usar um CTA?

  • Páginas do site
  • E-mail marketing
  • Conteúdo
  • Anúncios

5 dicas para criar um CTA de sucesso

  1. Use gatilhos mentais
  2. Tenha atenção nas cores
  3. Ofereça algo que realmente vale a pena clicar
  4. Combine o CTA com o tom e a voz do seu texto
  5. Faça testes A/B

Tudo certo sobre CTA? Se você ainda não vende pela internet, te convidamos a fazer um teste de 30 dias grátis com a Nuvemshop! É simples, rápido e sem necessidade de conhecimentos técnicos.

Aqui você encontra:

Faça como +90 mil lojas e
crie a sua Nuvemshop

Testar 30 dias grátis
Crie a sua loja na Nuvemshop

Nosso site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao acessar o site da Nuvemshop, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies