11/09/2015

Os 6 principais motivos de abandono de carrinhos no e-commerce brasileiro

Carrinho abandonado no ecommerce

A ComScore realizou um estudo em outubro de 2014 sobre os hábitos de consumo de e-consumidores em todo o mundo. Um dos destaques da pesquisa foi o abandono de carrinhos de compra, dor de cabeça recorrente de muitos proprietários de lojas virtuais.

A seguir, compartilho os seis principais motivos de abandono de carrinhos no Brasil segundo este estudo e possíveis medidas para evitar transtornos:

1. Os custos do frete tornaram a compra mais cara do que era esperado

Acho que todo mundo aqui já passou por isso, né? Na hora de fechar a compra e colocar o CEP, o valor do frete é absurdo, às vezes até maior do que o valor do próprio produto. Eu, como consumidor, já passei por isso e confesso que é uma situação bem desagradável para quem está comprando.

Para resolver este problema, você vai ter que se tornar um mestre no gerenciamento de envios. Ofereça opções de frente gratuito na sua loja virtual; você pode, por exemplo, dar frete grátis para compras acima de determinado valor, para estados ou cidades específicas e até mesmo para determinados produtos.

Essas estratégias podem não resolver 100% do problema, mas devem reduzir consideravelmente o número de abandonos quando o frete for o motivo da desistência da compra.

2. Não estava pronto para comprar, mas queria ter uma ideia do total da compra com o valor do frete incluso

Esse é um potencial consumidor difícil de “converter”, já que ele claramente não tem a intenção de comprar neste momento. Novamente, contudo, o valor do frete aparece como o grande vilão da história, já que ele torna o valor final da compra mais alto.

A dica, então, é aplicar as estratégias de envio gratuito mencionadas no item anterior ou otimizar o checkout da sua loja, pois eventualmente você conseguirá converter aquele cliente que não necessariamente faz os passos do checkout pensando em comprar, mas que pode concluir a transação por impulso. Lembre-se que quanto maior for o tamanho do seu checkout, maiores as chances do carrinho ser abandonado antes da finalização da compra.

3. A opção de pagamento preferida não foi oferecida

Pode acontecer de o cliente ter tudo pronto para fechar a compra, mas se frustar na hora de pagar porque alguma opção de pagamento não foi oferecida. Para evitar situações como essa, a dica é tentar oferecer todos os métodos de pagamento possíveis, desde cartão de crédito até débito online e boleto bancário. Procure também oferecer opções de parcelamento flexíveis para abranger um número ainda maior de potenciais consumidores.

4. Não estava pronto para comprar, mas queria salvar o carrinho para depois

Esse tipo de cliente é semelhante ao segundo da lista, a diferença é que ele vai comprar em algum momento do dia, da semana ou do mês. As mesmas dicas do item 2 se aplicam aqui, já que qualquer facilidade no frete pode ser aquele fator crucial para converter um potencial comprador que está em dúvida. Um checkout otimizado também pode ser determinante para captar compras por impulso.

5. O valor do pedido não era grande o suficiente para conseguir frete gratuito

A solução aqui vai depender muito do que você vende na sua loja virtual. Em primeiro lugar, se você vende produtos de baixo valor (capinhas de celular e películas, por exemplo) e o valor mínimo de compra para obter frete grátis é alto, muitos clientes podem se sentir desestimulados a concluir a transação. Portanto, é essencial que o valor mínimo para conseguir o envio gratuito seja realista.

Em segundo lugar, se este realmente for um motivo recorrente de abandono de carrinho, a solução inevitável será diminuir o valor mínimo para obtenção de frete grátis e assumir o custo extra – ou repassá-lo para o produto. Outras alternativas seriam seguir as dicas do item 1 ou até mesmo permitir que o consumidor retire o produto em algum endereço específico (sua loja física de preferência).

6. Queria completar a compra, mas se distraiu e esqueceu

Por incrível que pareça isso acontece muito, tanto que é a sexta maior causa de abandonos de carrinho no e-commerce brasileiro. Neste caso o problema não é necessariamente o frete, e sim o consumidor que se distraiu por qualquer motivo e deixou de completar a transação.

Há muitos fatores que podem distrair um cliente durante o processo de compra – e a maioria deles está no próprio checkout. Se o seu checkout tem muitos passos ou muitas distrações, recomendo que você revise ele cuidadosamente, pois pode estar perdendo vendas neste processo.

Neste artigo, Rodrigo Souto, gerente de marketing da HubSpot no Brasil, deu dez dicas para ter uma página de checkout efetiva na sua loja virtual.

Resumo

Como você pôde notar, os principais motivos de abandono de carrinhos no e-commerce estão diretamente relacionados ao frete e ao checkout. Você pode seguir as dicas que demos ao longo do artigo para tentar diminuir o número abandonos; se adotar alguma dessas estratégias ou qualquer outra técnica bem-sucedida, compartilhe com a gente!

Caso você ainda seja novato no mundo do comércio eletrônico e esteja procurando o lugar ideal para vender pela internet, recomendo que você teste os 15 dias gratuitos da plataforma da Nuvem Shop. Ela é simples, intuitiva e você conseguirá manejá-la sem precisar de conhecimentos técnicos.

Data da última atualização: 16/03/2018


O que você achou desse conteúdo?


Bruno Fernandes

Bruno é jornalista e responsável pela estratégia de conteúdo do blog e da Universidade do E-commerce da Nuvem Shop. É viciado em esportes, sobretudo basquete, e assiste 500 séries de TV ao mesmo tempo.

os-6-principais-motivos-de-abandono-de-carrinhos-no-e-commerce-brasileiro