Para que serve um antifraude para e-commerce?

Por: Giovanna Ghirardello

Homem compra com cartão de crédito via smartphone, representando o antifraude para e-commerce

Antifraude para e-commerce é um sistema automático que identifica transações suspeitas nas lojas virtuais. Essa análise é feita a partir do cruzamento de dados e de padrões de compra para evitar golpes e prejuízos aos lojistas.


Assim como na vida real, o universo online também exige cuidados com a segurança. Nesse contexto, as tentativas de golpe nas lojas virtuais fazem parte desse cenário. É por isso que um sistema antifraude para e-commerce é importante.

De acordo com o Mapa da Fraude, estudo realizado pela empresa ClearSale, foram registradas 6,1 milhões de tentativas de fraude no e-commerce em 2021. Isso não significa que o empreendedor deva desistir de vender pela internet — esse número representa 1,9% de tentativas de fraude nas compras online.

De todo modo, estar preparado para esse tipo de ocorrência é importante para reduzir prejuízos e garantir uma boa experiência para os clientes em sua loja virtual. Por esse motivo, ao longo deste conteúdo, vamos entender o que é sistema antifraude, como ele funciona, os tipos de fraude mais comuns e as principais soluções do mercado. Vamos lá?

Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

O que é um sistema antifraude para e-commerce e como ele funciona?

Antifraude para e-commerce é um sistema que analisa os pedidos de uma loja virtual e identifica as compras suspeitas. A maior parte desse processo é feita de maneira automática, limitando o contato com os clientes apenas em casos específicos para verificar informações.

Essa análise é feita a partir do cruzamento de dados e de padrões de compra para diminuir a incidência de golpes e prejuízos. Desse modo, quando um golpe é identificado, a compra é bloqueada para evitar o envio de um produto pelo qual o lojista não vai receber.

Esse tipo de avaliação pode ser feita manualmente pelo empreendedor sempre que ele notar que um pedido fugiu muito dos padrões de ticket médio da compra ou localização do cliente, por exemplo.

No entanto, à medida que o número de pedidos aumenta, fazer essa análise minuciosa por conta própria acaba se tornando inviável. É aí que entra a importância do sistema antifraude para e-commerce.

Quais são os tipos de fraude mais comuns no e-commerce?

Para entender o papel do antifraude para e-commerce, é importante entender a que tipos de golpe um vendedor online pode estar sujeito. Então, vamos conhecê-los:

Fraude amigável

A fraude amigável é aquela em que um amigo ou parente pega o cartão de uma pessoa e faz uma compra. Ao perceber o valor descontado na fatura, o titular não reconhece a compra e faz a contestação para receber o valor de volta.

Isso gera o temido chargeback para os lojistas — quando o produto é enviado, mas o vendedor não recebe o pagamento por causa dessa contestação.

Fraude deliberada

Com os constantes vazamentos de dados, esse tipo de fraude acaba se tornando mais comum. Ele acontece quando alguém usa dados roubados de um cartão de crédito para fazer uma compra online.

Assim como no primeiro caso, essa fraude gera bastantes casos de chargeback, causando prejuízo ao lojista.

Phishing

Apesar de ser uma prática que leva à fraude deliberada, o phishing pode prejudicar muitas lojas virtuais. Ele consiste em um golpista se passando pela marca para roubar os dados dos clientes e usá-los para fazer compras fraudulentas.

Nesse caso, podem ser criadas páginas idênticas à de um e-commerce ou ser enviados e-mails e mensagens pedindo dados sensíveis ao consumidor. Com essas informações, o fraudador passa a ter acesso, por exemplo, ao número do cartão do cliente.

Para evitar que o público caia nesse tipo de golpe, informe sempre como são feitas as suas comunicações oficiais e proteja as páginas do seu e-commerce com selos de segurança e com o certificado SSL — que garante a segurança das informações digitadas em seu site.

Autofraude

Por fim, o último tipo de fraude mais comum no e-commerce é a autofraude. Ela ocorre quando o próprio cliente age de má-fé e contesta a transação de um pedido que já recebeu.

Ou seja, mesmo com o pedido em mãos, o golpista alega não ter recebido os itens e pede a devolução do valor junto à operadora de cartão de crédito, causando prejuízo para o lojista.

Para algumas dicas sobre como se proteger desses tipos de fraude no e-commerce, dê o play no vídeo:

Qual o melhor antifraude para e-commerce?

Existem diversas opções de antifraude para e-commerce no mercado. Vamos conhecer as principais na sequência. No entanto, antes de escolher a melhor para o seu negócio, é necessário ficar atento a algumas informações.

Por exemplo, um antifraude muito rigoroso, a princípio, pode parecer excelente. No entanto, é possível que compras de clientes reais e de boa-fé passem a ser bloqueadas — e isso pode se tornar um problema. Para isso, desconfie de sistemas que afirmam ter uma taxa de chargeback zero.

Além disso, no momento da pesquisa, entenda quais são os canais de suporte do antifraude e, se possível, converse com outros lojistas que usam os sistemas pelos quais você se interessou. Por fim, confira se o sistema tem integração com a sua plataforma de e-commerce.

Isto posto, é hora de conhecer as principais opções do mercado:

ClearSale

Líder no mercado, a ClearSale é um sistema de antifraude que atende a diversos tipos de negócios, inclusive e-commerces, com uma solução específica para esse tipo de site. O sistema promete tornar a compra segura, tomando o cuidado de não reprovar os bons clientes da loja virtual.

Para saber os preços, é necessário entrar em contato com a empresa por meio de um formulário no site.

Lojistas Nuvemshop contam com uma integração direta com a ClearSale. Desse modo, a instalação é simplificada e você garante a segurança do seu e-commerce contra fraudes.

👉 Confira: Como instalar o aplicativo ClearSale na Nuvemshop?

Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

Konduto

A Konduto também é uma empresa de bastante renome que tem uma solução de análise de risco e antifraude para e-commerces. Os pedidos são analisados por meio de inteligência artificial e aprovados ou recusados em questão de segundos.

O plano mais indicado para as lojas virtuais é o Completo. Para conferir os valores, também é necessário enviar uma mensagem à equipe da empresa via formulário no site.

Extra: meios de pagamento com antifraude próprio

Sabemos que, muitas vezes, quando o empreendedor começa um negócio, não tem como investir tantos recursos. Nesse contexto, o valor do antifraude pode pesar no bolso.

Porém não ache que é por isso que sua loja virtual vai ficar desassistida. Existem vários meios de pagamento para e-commerce que contam com soluções antifraude inclusas. Apesar de não serem tão especializadas quanto as empresas citadas, elas podem fazer a diferença em um primeiro momento da loja virtual.

Um exemplo é o Nuvem Pago, a solução de pagamento da Nuvemshop. Com ela, além de oferecer diversas formas de pagamento para seus clientes, com taxas competitivas, os pedidos da sua loja também serão analisados cuidadosamente para evitar fraudes.

Banner com link para a página sobre o meio de pagamento da Nuvemshop, o Nuvem Pago

Resumo

Gostou de entender como funciona um sistema antifraude para e-commerce? Como vimos, ele pode ser um grande aliado na hora de evitar prejuízos e se torna indispensável à medida que você comece a vender mais.

Para que tudo fique fresco na memória, preparamos um resumo rápido sobre o artigo. Confira:

O que é sistema antifraude para e-commerce?

Antifraude para e-commerce é um sistema automático que identifica compras suspeitas nas lojas virtuais. Essa análise é feita a partir do cruzamento de dados e de padrões de compra para evitar golpes e prejuízos aos lojistas.

Quais são os tipos de fraude mais comuns no e-commerce?

  • Fraude amigável
  • Fraude deliberada
  • Autofraude
  • Phishing

Qual o melhor antifraude para e-commerce?

  • ClearSale
  • Konduto
  • Meios de pagamento com antifraude próprio

Quer uma loja virtual integrada ao antifraude da ClearSale? Teste a Nuvemshop por 30 dias grátis e descubra como a nossa plataforma pode ajudar o seu negócio a decolar. É fácil, rápido e sem a necessidade de conhecimentos técnicos! 💙

Aqui você encontra:

Faça como +90 mil lojas e
crie a sua Nuvemshop

Testar 30 dias grátis
Crie a sua loja na Nuvemshop

Quer uma loja virtual com sistema antifraude?

Com a Nuvemshop, você integra seu e-commerce facilmente com a solução da ClearSale.

Testar 30 dias grátis

Nosso site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao acessar o site da Nuvemshop, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies