02/05/2016

Quais os principais serviços que os Correios oferecem para e-commerce no Brasil

ferramentas dos correios para ecommerce

Se você já precisou enviar uma correspondência pelos Correios já deve ter notado que eles oferecem diversos tipos de serviço para entrega de cartas. O que pouca gente sabe é que eles também disponibilizam várias opções para quem quer utilizar os Correios nas entregas de uma loja virtual.

Hoje vamos falar um pouco sobre isso. Vamos lá?

Tipos de envio dos Correios

PAC

O serviço PAC (prático, acessível e confiável), assim como o nome já sugere, é a forma econômica de enviar encomendas. Funciona de maneira não expressa, ou seja, os envios não são tratados como prioridade, e atende o Brasil inteiro.

Os prazos de entrega variam de acordo com a distância entre local de origem e destino. Caso a encomenda enviada ultrapasse esse prazo, o remetente pode solicitar aos Correios uma indenização de até 30%*.

SEDEX

O Sedex é indicado para encomendas expressas e que precisam ser tratadas como prioridade. Geralmente o prazo de entrega é menos de cinco dias e também está disponível para todas as cidades do Brasil. Assim como o PAC, se ocorrer atraso na entrega você poderá solicitar 30% de reembolso sobre o valor do frete pago aos Correios.

Por outro lado, custa mais caro que o PAC para ser contratado, o que muitas vezes faz os clientes optarem pela entrega econômica.

e-SEDEX

O e-SEDEX** é um serviço criado exclusivamente para atender os lojistas de e-commerces. Funciona da mesma forma que o Sedex (porém, com preços inferiores) e atende a 292 cidades brasileiras.

Para utilizar esta opção, porém, é necessário fazer um contrato com os Correios (veja mais detalhes abaixo). É preciso considerar também que o limite de peso aceito no e-SEDEX para o envio de encomendas é de 15 quilos, enquanto para o SEDEX e o PAC esse limite é de 30 – o que faz com que nem sempre seja possível utilizá-lo. Além disso, em caso de atraso na entrega, a indenização é de somente 20%.

Tipos de serviço dos Correios

Disque coleta

Para qualquer uma das formas de encomenda citadas acima, os Correios oferecem o “disque coleta”, serviço que busca as encomendas na sua casa ou empresa para que você não precise levá-las até uma agência. Para utilizá-lo, basta se cadastrar no site dos Correios e contratar essa opção sempre que necessário para PAC, Sedex e e-SEDEX.

Rastreamento de pedidos

É mandatório hoje em dia para quem tem uma loja virtual informar aos compradores a data de postagem e o código de rastreamento dos produtos.

Sempre que você enviar uma embalagem pelos Correios há a opção de solicitar esse código. Se você possui uma loja virtual na Nuvem Shop, basta acessar o número do pedido no seu Administrador Nuvem e inserir o código no campo correspondente para que seu cliente receba essa informação por e-mail automaticamente.

Logística reversa

Essa é um conceito cada vez mais importante para quem quer crescer no mundo do e-commerce. O serviço de logística reversa dos Correios possibilita que seus clientes possam devolver os produtos com defeito, por exemplo, sem ter que pagar pelo frete.

Funciona em um modelo “a cobrar”, ou seja, o cliente entra em contato sobre a troca e você envia a ele uma espécie de ticket gerado pelo sistema dos Correios para que ele possa postar o produto de volta à origem.

É importante ressaltar que para todas as compras online os clientes têm o direito de trocar o produto adquirido sem precisar pagar nada mais por isso. Portanto, mesmo que você opte por não utilizar a ferramenta dos Correios, é indicado procurar uma empresa que possa fazer esse tipo de coleta.

Contrato com os Correios

Para os lojistas virtuais que realizam postagens regularmente, é possível firmar uma espécie de contrato, que nada mais é que um acordo entre você e os Correios para o envio dos produtos vendidos no seu e-commerce.

Neste caso, há um valor mínimo por mês em vendas que você deve enviar utilizando os Correios para que o contrato continue válido. E, geralmente, o montante gasto com a postagem dos produtos deve ficar acima de 200 reais para que sua loja online seja elegível para um contrato. Contudo, esse valor minimo pode mudar de acordo com os tipos de envio que pretende oferecer aos seus clientes.

Em troca, os Correios oferecem diversas vantagens, como coleta e pagamento faturado, além da opção de logística reversa que explicamos acima.

Endereçador web

Se você já tem uma loja virtual com a Nuvem Shop não precisará acessar o site dos Correios para utilizar esse serviço, pois nós geramos a etiqueta para você automaticamente.

No entanto, caso você ainda não utilize a nossa plataforma, é muito simples gerar a etiqueta de envio acessando o Endereçador web e clicando no modo “versão para encomendas”. Depois, é só preencher os dados do remetente e destinatário e imprimir.

Falando nisso, que tal criar sua loja teste na Nuvem Shop por 15 dias grátis? Assim você poderá aproveitar essa e outras facilidades que a nossa plataforma oferece aos lojistas. Faça o teste e nos conte o que achou!

* [ATUALIZAÇÃO] A partir do dia 28 de fevereiro de 2018 os Correios mudarão a porcentagem de indenização por atrasos, extravios ou roubos nas entregas feitas através do PAC e SEDEX. Para mais informações acesse aqui.
** [ATUALIZAÇÃO] Desde 1º de janeiro de 2017 os Correios não oferecem mais a opção do e-Sedex. Para mais informações acesse aqui.

Data da última atualização: 29/08/2018


O que você achou desse conteúdo?


Renata Estevo

Renata é formada em relações internacionais e trabalha como consultora de e-commerce na Nuvem Shop. Adora colecionar cartões postais, não perde um jogo do seu time do coração, o Chelsea FC, e também não passa um dia sem usar o Pinterest.

    quais-os-principais-servios-que-os-correios-oferecem-para-e-commerce-no-brasil