Como calcular o frete dos Correios?

Por: Camila Ribas
Como calcular o frete dos Correios?

Aqui você encontra:

Uma das maiores dúvidas de quem tem loja virtual é a respeito do frete dos Correios. Essa é uma preocupação válida, uma vez que a logística é cada vez mais determinante no faturamento da sua empresa e na fidelização dos clientes.

Por sorte, o cálculo é mais simples do que as pessoas imaginam. A empresa estatal de transportes trabalha, desde 2011, com preços que variam de acordo com o peso cúbico, com os endereços de postagem e de destino e com as modalidades de entrega, que dependem do prazo pretendido pelo consumidor.

É importante saber qual o prazo de entrega dos Correios para poder oferecer informações sólidas para os clientes e para que eles saibam quando poderão usufruir do produto adquirido. Entender melhor a relação entre peso e espaço ocupado pelas encomendas, portanto, é essencial para determinar o sucesso de um e-commerce e conquistar a confiança de quem compra na sua loja.

Para que você entenda melhor como as entregas dos Correios funcionam, preparamos este artigo com todas as informações que você precisa conferir a respeito das formas de entrega e os valores cobrados pela empresa. Ficou interessado? Então continue a leitura e descubra tudo!

Qual o valor do frete dos Correios?

O valor do frete dos Correios varia de acordo com algumas informações sobre a encomenda. Portanto, vamos entender como esse preço é calculado.

Para que você cobre dos clientes um valor justo pelo frete dos seus produtos, é preciso que você consiga prever qual será o custo para a sua empresa. Em geral, o valor de um frete varia de acordo com:

  • o tamanho do produto;
  • seu peso;
  • a distância que ele vai percorrer;
  • e, algumas vezes, o seu valor.

É importante saber que você precisa levar em conta o volume total das encomendas, e não somente o peso de um item específico. Para simplificar este cálculo, os Correios adotaram o peso cúbico como medida determinante, já que ela é capaz de equilibrar a relação entre o espaço ocupado pela encomenda e o peso que ela tem.

A decisão é importante, visto que, às vezes, uma encomenda ocupa um grande espaço no deslocamento, mas pode pesar menos do que um produto menor. Um edredom, por exemplo, demanda grandes embalagens e espaço, mas pesa pouco se formos comparar a uma poltrona, por exemplo.

Sabendo disso, você consegue estipular valores justos, sem acarretar prejuízos à sua empresa e sem cobrar valores abusivos dos clientes.

Vale lembrar, todavia, que, a depender da plataforma de e-commerce que você use em sua loja virtual, haverá uma integração direta com os Correios, que vai trazer esse valor assim que o cliente adicionar os produtos ao carrinho. Esse é o caso da Nuvemshop, por exemplo.

Como calcular o frete dos Correios?

Na prática, o cálculo do frete dos Correios é feito por meio da fórmula (C x L x A) / 6.000, em que:

  • C é o comprimento da embalagem, em centímetros;
  • L é a largura da embalagem, em centímetros;
  • A é altura da embalagem, em centímetros;
  • 6.000 é o coeficiente de cubagem, um valor baseado nos padrões internacionais e determinado pela IATA (Entidade Internacional das Empresas Aéreas).

Para que a compreensão da fórmula fique mais fácil, vejamos um exemplo:

Uma encomenda pesa 6 kg e tem 80 cm de comprimento, 60 cm de largura e 10 cm de altura. Nesse caso, a conta feita é a seguinte: 80 x 60 x 10 / 6.000. Apesar de o peso dela ser de 6 kg, o resultado é de 8 kg cúbicos.

No caso de encomendas com menos de 10 kg, o valor do frete é calculado pelo peso real do produto. No caso do exemplo, 6 kg. Já em encomendas cujo peso cúbico ultrapassar os 10 kg, deve ser levado em conta o resultado obtido com a fórmula.

É importante lembrar, ainda, que os Correios impõem um limite em que a soma do comprimento, da largura e da altura não ultrapasse os 200 cm.

A partir desse resultado, é observada a distância entre a agência em que o produto foi postado e o endereço de destino. Desse modo, chega-se ao valor do frete dos Correios. A estatal disponibiliza uma página para que esse preço seja simulado.

Quais as modalidades de frete dos Correios?

É recomendado pelos Correios que os e-commerces ofereçam as opções de entrega expressa e econômica. A primeira, via Sedex, é mais rápida, mas também mais cara. A segunda, por outro lado, feita via PAC, tem um prazo de entrega mais longo, mas mais acessível. Tudo depende da urgência do consumidor para ter o produto em mãos.

Veja com mais detalhes, abaixo, as principais modalidades de entrega nacional:

  • Sedex: entrega rápida que chega em três a cinco dias em todos os municípios;
  • Sedex 12: entrega garantida até as 12h do dia útil seguinte ao da postagem do produto;
  • Sedex 10: entrega garantida até as 10h do dia útil seguinte ao da postagem do produto;
  • Sedex Hoje: entrega garantida no mesmo dia da postagem;
  • PAC: entrega econômica que pode levar de cinco a sete dias úteis em todos os municípios.

É importante lembrar que o tempo mínimo vale para capitais. São considerados prazos mais longos para cidades do interior. Modalidades como Sedex Hoje, Sedex 10 e Sedex 12 também dependem de alguns fatores, como localidade, distância e horário de postagem da encomenda.


Saiba mais...

Como garantir bom preço e entrega rápida no seu e-commerce?

Você já sabe que uma política de entrega confiável é essencial para a satisfação do seu cliente. Por isso, pensar em soluções de frete é um quesito importante para o sucesso da sua loja virtual. Uma forma de tornar os custos mais baixos e garantir postagens e entregas rápidas é por meio de um contrato com os Correios.

Lembre-se sempre de que prazos errados e promessas não cumpridas são grandes fontes de reclamação nos maiores portais de queixas de consumidores. Por isso, o ideal é garantir que a experiência do cliente seja a melhor possível, especialmente em relação ao frete.

Como faço um contrato com os Correios?

O contrato com os Correios é um acordo de prestação de serviços em que é possível otimizar as entregas e reduzir custos.

Para fazer isso, vá até uma agência dos Correios — o ideal, aqui, é escolher a mais próxima ao ponto físico da sua empresa, já que isso vai facilitar e tornar tudo mais rápido. Feito isso, é realizado um teste de usabilidade na loja virtual para que o e-commerce seja aprovado. Em caso positivo, fecha-se o contrato.

Com a aprovação, seu e-commerce já pode se considerar um parceiro dos Correios e começar a demandar as entregas. Há um sistema próprio da empresa que permite que o proprietário administre todas as postagens realizadas. O sistema é fácil e intuitivo, ou seja, em pouco tempo você pode trabalhar sem complicações.

O recurso ainda permite que você programe as encomendas. Como o objetivo é otimizar a logística e oferecer rapidez, é possível criar etiquetas com a sua marca, fazendo com que você consiga trabalhar sua divulgação e também a imagem positiva do seu negócio.

Outra facilidade é que é possível solicitar que os Correios façam a coleta dos seus produtos, evitando que você precise levar ou delegar a tarefa de postar todos os produtos em uma agência dos Correios.

O boleto com os custos dos seus envios mensais é enviado posteriormente, isto é, você pode se planejar, contabilizar os custos e tornar seu planejamento financeiro ainda mais eficiente.


Saiba mais...

Tudo certo?

Agora que você entendeu melhor sobre como funciona o frete dos Correios, pode se planejar para oferecer a melhor experiência em frete para seus clientes. E, para saber mais sobre o assunto, conheça a categoria de Logística do blog da Nuvemshop.

Por fim, se você já vende pela internet e ainda não tem uma loja virtual — ou pensa em migrar de plataforma —, te convido a testar a Nuvemshop por 30 dias grátis!

Faça como +60mil lojas e
crie a sua Nuvemshop

Testar 30 dias grátis
Crie a sua loja na Nuvemshop

Quer mudar de vida vendendo pela internet?

Crie agora sua loja virtual com a Nuvemshop e venda de maneira profissional.

Criar minha loja

Nosso site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao acessar o site da Nuvemshop, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies