07/05/2014

Google Display Network: o que é e como você pode aproveitá-la

Google Display Network - O que é e como você pode aproveitá-la

A Google Display Network, ou GDN, é uma rede de sites que disponibiliza espaços publicitários para anunciantes. Esses sites passam por uma análise de critérios do Google para fazerem parte da rede e, uma vez aprovados, têm as suas páginas disponíveis para receber anúncios de clientes de todo o mundo. Hoje, a GDN impacta 80% dos usuários de Internet no mundo, ou seja, seu público-alvo seguramente se encontra ali em algum lugar.

A GDN é comumente usada para veicular anúncios gráficos, conhecidos como banners, e mídia gráfica é extremamente importante para lembrança de marca e consideração de compra, colocando sua loja no radar para clientes que possam estar buscando os produtos que você oferece. É de extrema importância que seja trabalhada em conjunto com uma estratégia de Links Patrocinados e SEO  na busca do Google, pois esses três pilares combinados podem maximizar substancialmente seu retorno em vendas.

Outra coisa bacana é que você pode fazer seus anúncios aparecerem tanto em computadores quanto no celular. E você também consegue trabalhar com remarketing para ampliar mais ainda o seu retorno sobre essa mídia. Ou seja, a Rede de Display do Google é uma oportunidade incrível para você que já começou a navegar pelos mares do marketing digital.

Para começar a anunciar na GDN, você precisa já ter uma conta de anunciante criada no Google Ads. Para fazer isso, recomendamos que você leia a respeito de como anunciar no Google  e também as dicas para campanhas no Google  para que você entenda, de forma geral, o passo a passo para você ter uma conta e começar a trazer mais receita para o seu negócio.

Seguindo esses passos, você já está pronto para começar e entender um pouco mais sobre os tipos de anúncios e as segmentações possíveis dentro da GDN.

Tipos de anúncio da Google Display Network

Display: os banners, que podem ser imagens estáticas ou podem ser animados

Vídeo: o YouTube está dentro da GDN, então você pode produzir vídeos para anunciar seus produtos

Texto: sim, seus anúncios de busca também podem ser colocados na GDN

Todos os guias para produzir as peças podem ser encontrados facilmente, mas caso você não tenha algum designer para criá-las, o Google também disponibiliza uma ferramenta de criação de anúncios, onde você pode, gratuitamente, criar anúncios profissionais em apenas alguns minutos. Eles podem ser atualizados com facilidade e não requerem que você contrate um especialista para te ajudar. Você seleciona suas imagens, logos e texto, escolhe dentre os diversos modelos e fontes disponíveis e pronto, já existem banners para você começar a sua campanha.

Veja abaixo o passo a passo pra criar seu próprio banner. Se você quiser ver as imagens maiores, é só clicar sobre elas! Confira:

Passo 1: Chegando à galeria de anúncios do Google Ads

Depois que você tiver criado a sua campanha de Display no Ads, vá para a aba “Anúncios”, clique no botão vermelho “+ Anúncio” e selecione “Galeria de Anúncios“.

Criador de Anuncios GDN - Passo 1

Passo 2: selecionando o tipo de anúncio

Você pode escolher fazer alguns tipos diferentes de anúncios com essa ferramenta. Vamos te ensinar a fazer os Anúncios Gerais, mas, uma vez aprendendo esse, você conseguirá fazer qualquer um deles, pois o fluxo é bem intuitivo. Para continuarmos, clique no botão “Criar”.

Criador de Anuncios GDN - Passo 2

Passo 3: selecionando um template

Aqui você poderá escolher qual é o modelo de banner que mais te agrada. A galeria tem alternativas para todos os gostos e tipos de negócio. Após selecionar o que mais combina com a sua loja virtual, clique no botão “Criar”.

Criador de Anuncios GDN - Passo 3

Passo 4: customizando o seu banner

Aqui começa a parte divertida! Você pode personalizar o texto e as imagens que você quiser inserir no banner. Ele te deixa escolher um título, uma descrição, o texto do botão de clique e a imagem. Você também pode incluir mais imagens e caixas de texto através da opção “Novo Conteúdo”, no canto superior do menu, e até programar animações diferenciadas, clicando em “Animação” no mesmo menu. Outra coisa bacana é que você pode ver como o seu anuncio vai ficar em tamanhos e formatos diferentes, clicando nas diversas opções na parte de “Visualização de Anúncios”.

Se você errar ou quiser desfazer alguma coisa que não ficou legal, não se esqueça do botão voltar, também no menu do canto superior esquerdo.

Criador de Anuncios GDN - Passo 4

Passo 5: visualizando e salvando seu banner

Depois de ter deixado seu banner com a cara da sua loja, selecione o botão “Visualizar e Salvar”.

Criador de Anuncios GDN - Passo 5

Passo 6: resultado final

Aqui você pode conferir em uma única página como os seus anúncios ficaram. Se você quiser alterar alguma coisa, é só clicar no botão com a setinha, que vai fazer você voltar para a página de edição.

Se você achar que está pronto pra ganhar novos clientes com esses banners, é só clicar em Visualizar e Salvar.

Criador de Anuncios GDN - Passo 6

Com isso, seus anúncios já estarão configurados dentro da sua campanha da GDN na sua conta do Ads.  Só falta agora você escolher a melhor segmentação para a sua campanha, e esse é nosso próximo tópico logo abaixo.

Criador de Anuncios GDN - Passo 7

Segmentações para a Google Display Network

A GDN possui uma série de possibilidades de segmentação para que você consiga localizar seus clientes com mais assertividade. Se você já trabalha com links patrocinados na busca do Google, você reconhecerá algumas das estratégias que falaremos aqui. Explicaremos uma a uma para que você encontre a melhor delas para o seu negócio.

Contextual

A ferramenta da GDN avalia diversos sites em tempo real para identificar o conteúdo daquelas páginas. Com isso, ela possibilita que escolhamos palavras-chave específicas para encontrar os canais corretos e sua mensagem é mostrada sempre que seu cliente estiver lendo alguma matéria relacionada ao seu negócio. Se você vende vestidos de festa, seus anúncios serão exibidos em sites de casamentos e blogs de alta costura, ou seja, em locais onde o público está mais propenso a realizar uma compra.

Canal

Você pode já ter em mente os sites específicos que você deseja anunciar. É possível escolher páginas da web específicas, vídeos online, jogos, feeds RSS, sites para celular e muitos outros.

Categorias de Interesse

Ao invés de selecionar site por site ou determinar as palavras-chave, você pode escolher uma categoria determinada de assuntos relacionados ao seu negócio. Se você vende roupas casuais, masculinas e femininas, você pode definir a categoria de Moda como um todo para entregar seus anúncios. Isso significa que você conseguirá encontrar seu cliente e mostrar sua oferta para ele independente do site que ele estiver e desde que o mesmo esteja relacionado ao segmento de Moda.

Demográfica

Você consegue atingir faixas etárias e gêneros específicos na GDN. Você pode querer impactar apenas Mulheres de 18 a 35 anos com a sua mídia e a plataforma do Google também apresenta essa possibilidade.

Geográfica e Idioma

Caso você venda produtos específicos para uma determinada região, você pode segmentar seus anúncios apenas para essa localidade para que não haja dispersão. É possível também segmentar para pessoas que falam português e moram no exterior; essa alternativa é útil caso você trabalhe com entrega internacional ou tenha produtos sendo vendidos em alguma loja física fora do Brasil.

Programação por horário

Outra possibilidade é segmentar seus anúncios para que eles apareçam apenas numa faixa horária específica. Se você vende comida pela internet, por exemplo, pode optar por mostrar seus anúncios apenas das 11 às 15 horas, exatamente para coincidir com o horário de almoço.

Limite de Frequência

Você pode limitar a quantidade de vezes que uma pessoa vê os seus anúncios em um dia, uma semana ou um mês. Dessa forma, você não ficará mostrando a mesma mensagem várias vezes para um mesmo cliente e conseguirá ampliar o alcance da sua oferta, garantindo que com o mesmo investimento você consiga impactar mais pessoas.

Exclusões

Eventualmente você pode identificar sites onde você não deseja que seus anúncios sejam exibidos. Se você vende passagens aéreas, por exemplo, você não quer que seus anúncios apareçam em sites que falem sobre desastres aéreos, logo, você pode negativar todas as palavras-chave e sites relacionados a esse assunto. Você também pode excluir páginas que contenham linguagem imprópria, conteúdo de sugestão sexual, entre outros.

Remarketing

Você pode oferecer condições diferenciadas para usuários que entraram no seu site e não realizaram nenhuma compra. Por exemplo, você pode criar anúncios específicos de camisetas para pessoas que acessaram essa determinada seção. As estratégias de remarketing são ilimitadas, portanto, você pode trabalhar com todas as categorias de produtos que você comercializa no seu site.

Combinações entre as segmentações

É possível utilizar todos esses métodos combinados para que você consiga ter mais assertividade ao encontrar os seus clientes. Ou seja, você pode montar uma campanha apenas para os clientes que moram em São Paulo, são Homens de 18 a 45 anos, interessados em Esportes e que tenham visitado a seção de camisetas de futebol da sua loja. Quanto mais específico você for em suas estratégias de segmentação, maiores as chances de você encontrar os usuários que realmente estão interessados no seu produto.

Planejamento e Dedicação

A tecnologia do Google não funciona sozinha, você precisa se dedicar e planejar a estrutura de suas campanhas, suas segmentações e seus anúncios para que você consiga usar a ferramenta de forma efetiva e aproveite todo o seu potencial.

Formas de pagamento

Existem duas formas de pagamento praticadas hoje pelo Google. A primeira é a modalidade de CPM, ou custo por mil impressões. A impressão de um anúncio é quando ele aparece na tela de algum usuário, ou seja, quando ele é visualizado. Então, você paga ao Google a cada mil impressões do seu anúncio. Essa é uma forma de comercialização padrão de anúncios na Internet e é comumente usada quando você precisa gerar visibilidade para a sua campanha.

A segunda é a compra por CPC, ou custo por clique. Você só paga quando um usuário efetivamente clicar no seu banner e for direcionado ao site. Ele é recomendado para campanhas de geração de tráfego e conversão em vendas.

Você está interessado em começar?

Que ótimo! Então acesse a sua conta já criada ou crie agora sua conta no Google Ads.

O Google oferece suporte por telefone para que você possa iniciar a sua primeira campanha online. Para isso, ligue para 0800-724-6646 no horário comercial.

Vale lembrar que o Google dá um bônus de R$ 100,00 para quem está começando. Aproveite e resgate o seu voucher!

Sucesso e boas vendas! 🙂

Data da última atualização: 16/03/2018


O que você achou desse conteúdo?


Carolina Negrão


    google-display-network-o-que-e-como-voc-pode-aproveit-la