Vendendo artesanato pela internet: as diferentes plataformas

As diferentes plataformas para vender artesanato na internet

Já falamos sobre a importância do artesanato no Brasil e por que vender pela internet é uma ótima ideia. Conversamos também sobre como se profissionalizar e transformar seu hobby em um negócio, e ainda te ensinamos a precificar seus produtos artesanais. Agora, a questão é: onde vender meus produtos na internet?

O mundo virtual tem muita coisa em comum com o mundo físico, por exemplo: você, artesão, pode vender seus produtos em uma tenda em uma feira livre, pode compartilhar um espaço em uma loja colaborativa com outros produtos de diferentes segmentos ou ainda ter um espaço só seu, com o nome e a identidade visual da sua marca.

Na internet, também existem diferentes lugares para expor seus produtos, que são chamados de plataformas, e elas funcionam de maneiras similares aos espaços físicos reais, com a diferença de que pela internet o custo é muito inferior e a sua loja permanece aberta 24 horas por dia. Além disso, as barreiras geográficas são muito menores: você pode vender para pessoas em diferentes cidades, estados e até países com muito mais facilidade, basta se preparar para isso.

A seguir, vamos citar algumas opções de plataformas onde você pode vender seu artesanato:

Marketplaces

Marketplaces, no sentido mais literal da palavra, são grandes espaços virtuais onde se faz comércio. O Mercado Livre e o E-bay são exemplo de marketplaces. A vantagem é que você não precisa ter uma empresa para vender seus produtos e não paga nada para cadastrá-los e vendê-los, por isso pode ser uma boa alternativa para quem está no começo. Além disso, muitas pessoas recorrem a esses sites para buscar produtos.

Qualquer um pode vender qualquer coisa – e é nessa vantagem que entra uma das desvantagens: a concorrência com outros vendedores é muito grande. Além disso, não é possível ter um layout próprio com a identidade visual da sua marca e o contato com os clientes é muito restrito.

Marketplaces especializados

Para artesãos, existem marketplaces especializados no segmento que funcionam mais ou menos como uma grande feira livre de artesanato, onde você pode ter a sua tenda. Ou seja, é possível criar um perfil e expor seus produtos. Também pode ser interessante para quem está começando, pois você estará em um espaço dedicado somente ao seu segmento e não paga para cadastrar seus produtos, apenas uma porcentagem das vendas.

A desvantagem é que o seu espaço nesses marketplaces não pode ser considerado uma loja e sim um perfil, como se fosse um perfil de uma rede social, pois você não tem um domínio próprio e não é possível personalizar seu layout: todos seguem o mesmo padrão. Essa opção pode facilitar com que pessoas interessadas em artesanato cheguem ao seu produto, mas dificulta o reconhecimento da sua marca e a fidelização do cliente, pois ela estará misturada a tantas outras.

Loja virtual própria

Para quem procura algo mais profissional, usar uma plataforma de e-commerce pode ser uma boa alternativa. Muitas delas oferecem planos mensais por menos de 50 reais e você já tem acesso aos meios de pagamento e envio de uma loja virtual; uma delas é a Nuvem Shop.

A grande vantagem é a possibilidade de ter seu endereço próprio na internet (algo como: www.nomedasualoja.com.br), além de poder personalizar seu site, deixando-o com a sua identidade visual.

Por ser mais profissional, essa opção requer um pouco mais de trabalho com divulgação, como investir em técnicas de SEO e marketing digital, mas para quem busca crescer e se fortalecer enquanto marca é a opção mais adequada.

Por fim…

Dentre as opções de plataformas para lojas virtuais próprias, você encontra algumas diferenças. Esse vídeo te ajuda a entender melhor sobre esse assunto:

Entendeu?

E aí? Já decidiu qual é a melhor opção de plataforma para o seu negócio? Caso você tenha optado por uma loja virtual própria, te convido a testar por 15 dias gratuitos a plataforma da Nuvem Shop. A partir de R$29 reais por mês você pode ter um espaço personalizado para vender seus produtos artesanais. Boas vendas!


O que você achou desse conteúdo?


Luna Pontes

Luna é jornalista com foco em vídeo, mas também adora escrever. É cantora e libriana, o que a fez levar muito tempo para escolher as palavras dessa bio.


    vendendo-artesanato-pela-internet-as-diferentes-plataformas