O que é API de pagamento e por que integrá-la ao seu e-commerce?

Por: Talitha Adde

imagem mostra uma mão com cartão de crédito em frente a um computador, simulando o checkout de compra por um api de pagamento

API de pagamento refere-se a rotinas, instruções e padrões de programação estabelecidos por um software, permitindo o acesso de um e-commerce a aplicativos terceiros.


Realizar transações financeiras com segurança é um requisito essencial para vender pela internet. Para o cliente, o fechamento de uma compra é um momento importante da etapa de vendas de um e-commerce, já que é preciso compartilhar dados confidenciais. Por isso, integrar o seu site com uma API de pagamento pode ser uma solução para garantir o sucesso da sua loja virtual.

A tecnologia pode ajudar o seu negócio a se tornar cada vez mais ágil e eficiente. Além disso, ela pode significar também uma vantagem em relação à concorrência.

Com uma API é possível, por exemplo, automatizar processos no fluxo do pagamento e oferecer personalização da experiência de compra para o seu cliente.

Mas, afinal, o que é uma API de pagamento e como ela funciona? Ao longo deste artigo, você vai descobrir todas as particularidades a respeito do assunto.

📹 Veja também: O que é API e como funciona? [Entenda na PRÁTICA de forma SIMPLES]

Quer saber mais? Então, acompanhe a leitura!

Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

O que é uma API de pagamento?

API é a sigla utilizada para Application Programming Interface ou, em português, Interface de Programação de Aplicativos. Refere-se a rotinas, instruções e padrões de programação estabelecidos por um software. Esses procedimentos formam uma interface de acesso a um aplicativo ou plataforma online, ou seja, disponibilizam suas funcionalidades a aplicativos terceiros.

Em outras palavras, no caso de uma API de pagamento online, a tecnologia facilita a comunicação entre uma loja virtual e um gateway de pagamento, isto é, uma ferramenta que possibilita a transmissão de dados entre os clientes, comerciantes e os bancos durante as transações financeiras de um e-commerce.

Para que fique mais claro, vamos pensar em um exemplo: imagine que um cliente decidiu realizar o pagamento de uma compra na sua loja virtual. Nesta etapa, para ter a confirmação, é preciso que ele compartilhe alguns dados pessoais, como o número de cartão de crédito e o CPF no checkout, certo?

Se a sua loja virtual é integrada com uma API de pagamento, em questão de segundos, a tecnologia envia os dados do cliente para uma instituição financeira, que confirma ou não a viabilidade da compra. Tudo isso acontece sem que o consumidor se dê conta do processo.

Essa é apenas uma das funcionalidades do recurso. Você também pode utilizar a API de pagamento para facilitar atividades burocráticas do seu negócio, tudo de forma automatizada. Alguns exemplos incluem:

  • Emitir segunda via do boleto e nota fiscal;
  • Gerar alertas para clientes com datas de vencimento de boletos;
  • Oferecer opções de parcelamento no ato da compra;
  • Calcular juros e multas de forma instantânea.

Como funciona uma API de pagamento?

O principal objetivo de uma API de pagamento é garantir segurança e rapidez no tratamento das informações, seja para coleta de dados ou execução de pagamentos. Resumidamente, uma API funciona da seguinte maneira:

  1. A tecnologia é implementada no processo de checkout da loja virtual;
  2. Depois que o cliente fornece suas informações pessoais e de entrega para confirmar a compra, ele deve escolher um método de pagamento (boleto bancário, Pix, cartão de crédito ou débito ou QR Code);
  3. Em seguida, a API de pagamento recebe os dados de compra criptografados;
  4. A partir daqui, começa a interpretação da informação: se for para validar o limite de um cartão de crédito, por exemplo, os dados são checados com um banco, que confirma se o método de pagamento é válido;
  5. Por último, em questão de segundos, a API de pagamento envia um aviso automático para o cliente com a confirmação da compra. Tudo isso sem sair da plataforma de e-commerce.

Caso queira entender melhor como funciona uma API, veja este infográfico:

infografácio que mostra como funciona uma API de pagamento

 

Uma API, além de facilitar o pagamento do seu negócio, também oferece métricas concretas para análise financeira ou engajamento de produtos. O sistema fornece informações em tempo real sobre o que foi realizado em um site dentro de um período de análise personalizado. Veja o que pode ser medido:

  • Receita Recorrente Mensal (MRR): é a receita média recorrente em um valor mensal;
  • Receita Recorrente Anual (ARR): indicador que demonstra o fluxo anual de receita recorrente;
  • Taxa de Crescimento (Growth Rate): dado que representa a taxa de retorno necessária para um investimento crescer de seu saldo inicial para o seu saldo final;
  • Valor Vitalício (LTV, ou Lifetime Value): é a métrica que estima o lucro líquido da vida de um cliente dentro da empresa;
  • Custo de Aquisição por Cliente (CAC): mostra o resultado da soma dos investimentos feitos em marketing e vendas, dividido pelo número de clientes conquistados em um mesmo período;
  • Taxa de conversão (CVR): números de conversões (compras ou cadastros, conforme o que você definir como meta) dividido pelo total de visitantes;
  • Cálculo do Retorno Sobre Investimento (ROI): métrica usada para saber quanto a empresa ganhou com investimentos, principalmente na área de marketing;
  • Índice de Cancelamentos (Churn Rate): indicador para saber quanto uma empresa perdeu em clientes e, consequentemente, em receita.

A API de pagamentos permite, ainda, que estas informações sejam concentradas em um mesmo ambiente. Com isso, a qualquer momento, os números podem ser levantados para auxiliar, principalmente, nas tomadas de decisão do seu negócio.

4 vantagens da API de pagamento online

A integração com uma API de pagamento encurta o processo e implementação de ferramentas, garantindo o máximo aproveitamento das informações e dos sistemas empresariais.

Agora, veja quatro vantagens de integrar a sua loja virtual com uma API de pagamento:

1. Segurança de dados

A integração do seu negócio com uma API de pagamentos tem como principal vantagem a segurança de dados. Isso porque o sistema permite que apenas informações específicas estejam disponíveis para acesso.

Ou seja, ao contar com uma API, o banco de dados da sua loja virtual estará sempre seguro, sendo acessado pelas aplicações vinculadas ao seu e-commerce somente naquilo que for pertinente ao seu funcionamento.

2. Volume de dados reduzidos

Com uma API de pagamentos online, existe um ganho não só na segurança de dados, como também no desempenho da plataforma de e-commerce.

Ao integrar a tecnologia com a sua loja virtual, a quantidade de informações manipuladas no ambiente tende a diminuir, minimizando o uso da capacidade de processamento e armazenamento do site.

3. Redução de custos

A redução de custos também é outro atrativo da integração por meio da API de pagamentos. Isso porque a tecnologia reduz a necessidade da sua loja virtual em desenvolver aplicações com diferentes funcionalidades, para depois integrá-las.

Esse é um processo custoso e que nem sempre gera resultados positivos. Por isso, em vez de gastar com o desenvolvimento, ajustes e melhorias dos sistemas, é mais eficiente adotar APIs de empresas terceirizadas, integrando-as ao sistema da sua loja virtual e, assim, direcionar os recursos remanescentes para atividades mais estratégicas.

4. Personalização da compra

Com uma API de pagamentos, você tem acesso a relatórios completos para orientá-lo nas tomadas de decisão e estratégias de vendas.

Dessa forma, você consegue mensurar quais produtos são mais vendidos, o que os clientes mais buscam em seu comércio eletrônico e quais meios de pagamento são os mais utilizados, por exemplo.

A partir dessa análise de métricas, é possível oferecer o acesso a produtos e serviços cada vez mais personalizados para os seus consumidores.

Crie sua loja virtual
Testar 30 dias grátis

Como integrar uma API de pagamento com a minha loja Nuvemshop?

Não há dúvidas de que integrar uma API de pagamento ao seu e-commerce é uma ótima forma para ter sucesso com vendas na internet, certo? E, se você já tem uma loja virtual com a Nuvemshop, a tecnologia pode ser utilizada para vincular a plataforma com serviços externos ou para ampliar o potencial das funcionalidades atuais com desenvolvedores terceirizados.

É importante ressaltar que todas as integrações de APIs com uma loja Nuvem só são possíveis caso a empresa terceirizada tenha cadastro como Parceiro Nuvemshop, ou seja, ofereça uma solução de tecnologia para os lojistas da plataforma de e-commerce.

Ao integrar a sua loja virtual a APIs de pagamento, é possível, dentre outras vantagens:

  • Consultar a lista de pedidos da loja e realizar operações diversas sobre elas (cancelar, finalizar, entre outros);
  • Conseguir mais informações do comportamento de seu cliente, como a data de última compra;
  • Criar cupons de desconto ou de frete grátis.

Além dessas vantagens, se você faz parte da equipe de lojistas da Nuvem, é possível conectar seu site a ferramentas e aplicativos que não oferecem integração com a plataforma da Nuvemshop.

Explicamos como: caso você queira oferecer um método de pagamento alternativo, que não faz parte da Loja de Aplicativos Nuvem, como PicPay, por exemplo, você pode relacioná-lo exclusivamente ao seu e-commerce.

Este processo, no entanto, fica sob sua responsabilidade. Para isso, o primeiro passo é se cadastrar como Parceiro Nuvemshop. Em seguida, verifique a documentação específica para criação de API.

Após tudo confirmado, mãos à obra: com a ajuda de um desenvolvedor de software terceirizado, você consegue acessar a API da sua loja Nuvemshop e integrar um intermediador de pagamento ou criar um recurso específico que atenda alguma particularidade do seu negócio online.

Com isso em mente, você pode criar soluções, por exemplo, para:

  • Exportar informação de um cliente para um sistema de CRM que ajude a fazer a gestão de seus contatos;
  • Oferecer cupons de desconto de maneira automática a clientes que abandonaram os carrinhos;
  • Integrar automaticamente as vendas com um sistema de faturamento para emitir notas fiscais de maneira automatizada.

👉 Confira: O que é a API da Nuvemshop e o que você pode integrar por meio dela?

Alternativas à API de pagamento

Por fim, uma dica final: caso você ainda não esteja pronto para utilizar uma API de pagamento ou já identifique um serviço com integração direta que atenda às suas necessidades, a Loja de Aplicativos Nuvem oferece algumas opções de intermediadores. São eles:

Caso queira saber como usar cada um deles, confira nosso tutorial sobre meios de pagamento.

Resumo

Esperamos que as dicas sobre API de pagamento tenham sido úteis! Se você quiser relembrar os principais pontos abordados ao longo deste artigo, confira um resumo do conteúdo:

O que é uma API de pagamento?

API é a sigla utilizada para Application Programming Interface, ou em português, Interface de Programação de Aplicativos. Refere-se a rotinas, instruções e padrões de programação estabelecidos por um software, permitindo o acesso de um e-commerce a aplicativos terceiros.

Como funciona uma API de pagamento?

  1. A tecnologia é implementada no processo de checkout da loja virtual;
  2. Depois que o cliente confirma o carrinho de compra e fornece suas informações pessoais e de entrega, ele deve escolher um método de pagamento (boleto bancário, Pix, cartão de crédito ou débito ou QR Code);
  3. Em seguida, a API de pagamento recebe os dados de compra criptografados;
  4. A partir daqui, começa a interpretação da informação: se for para validar o limite de um cartão de crédito, por exemplo, os dados são checados com um banco, que confirma se o método de pagamento é válido;
  5. Por último, em questão de segundos, a API de pagamento envia um aviso automático para o cliente a confirmação da compra. Tudo isso sem sair da plataforma de e-commerce.

4 vantagens da API de pagamento online

  1. Segurança de dados
  2. Volume de dados reduzidos
  3. Redução de custos
  4. Personalização da compra

Se você pretende vender online e quer integrar a sua loja virtual a uma API de pagamento, te convidamos a testar 30 dias grátis na plataforma da Nuvemshop. Criar seu e-commerce será rápido, fácil e você não precisa de conhecimentos técnicos! 😊

Aqui você encontra:

Faça como +90 mil lojas e
crie a sua Nuvemshop

Testar 30 dias grátis
Crie a sua loja na Nuvemshop

Quer integrar o seu e-commerce com uma API de pagamento?

Crie a sua loja virtual na plataforma da Nuvemshop e facilite o dia a dia do seu negócio!

Testar 30 dias grátis

Nosso site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao acessar o site da Nuvemshop, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies