Como importar do Alibaba para uma loja virtual? [passo a passo]

Por: Marcela Couto

Imagem mostra um mapa e uma miniatura de avião sobre caixas de encomenda. É uma representação do processo de como importar pelo Alibaba.

Pontos principais do artigo:

  • O Alibaba é um maiores e-commerces do mundo, reunindo milhares de fabricantes e fornecedores chineses que fazem importação de produtos;
  • No entanto, é preciso saber como importar do Alibaba com segurança, já que a plataforma não se responsabiliza pela autenticidade dos fornecedores;
  • Para isso, a dica é procurar lojistas que sejam certificados e ofereçam meios de pagamento seguros e com proteção antifraude, como o PayPal;
  • Se você pretende importar pelo Alibaba para revender, pode criar uma loja virtual grátis na Nuvemshop para começar o seu negócio de forma profissional.

Importar produtos estrangeiros para revender no Brasil pode parecer um bicho de sete cabeças. Mas não se preocupe: é possível encontrar fornecedores internacionais para a sua loja virtual com apenas alguns cliques.

Quer saber como? Ao longo deste artigo, você confere um guia completo de como importar do Alibaba, que é um dos maiores e-commerces do mundo, onde fabricantes e fornecedores chineses ofertam produtos por preços mais baixos do que o mercado local.

Portanto, se você está pensando em importar produtos da China para vender em sua loja virtual, veio ao lugar certo! A seguir, confira tudo o que você precisa saber para importar pelo Alibaba.

E, se você ainda não tem uma loja virtual para vender seus produtos importados, crie uma agora mesmo de graça:

Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

O que é Alibaba?

Alibaba é um site de compras online criado para facilitar a operação de lojas virtuais na busca de fornecedores de produtos estrangeiros. O e-commerce faz parte do Alibaba Group, fundado em 1999, na China.

A AliExpress, que atua como atacado e varejo para pessoas físicas e empresas estrangeiras, e o Taobao, focado em atacado e varejo para pessoas físicas e empresas chinesas, também estão entre os principais canais de venda do grupo.

O Alibaba Group é responsável por 60% do volume de entregas na China e é a terceira maior marca chinesa do mundo, atrás apenas de Lenovo e Huawei, empresas de eletrônicos.

Como funciona o Alibaba?

Comprar produtos para revenda no Alibaba é simples. Você pode navegar pelas categorias de produtos, o que pode ser mais trabalhoso, ou fazer uma pesquisa por um produto específico.

Existem duas opções para essa busca. Na primeira você pode pesquisar no menu suspenso por “Produtos”, como um tênis de corrida, por exemplo, e serão apresentados todos os resultados para aquela busca.

Já na segunda, como alternativa, você pode selecionar “Fornecedores” e filtrar por fabricantes especializados em determinados tipos de mercadorias.

Veja na imagem abaixo:

Imagem mostra captura de tela do e-commerce, ilustrando o primeiro passo de como importar do Alibaba: a busca no site

A dica para quem está começando é procurar fornecedores que aceitam meios de pagamento seguros, como o PayPal, que oferece serviço de proteção antifraude gratuito.

Isso porque o Alibaba não se responsabiliza pela qualidade dos produtos vendidos em seu site, assim como não garante a autencidade dos fornecedores. Portanto, risco de importar do Alibaba é por conta do comprador.

💡 Saiba maisComo importar da China?

Como importar do Alibaba?

Confira o passo a passo sobre como importar do Alibaba:

1. Regularize a sua empresa

Antes de procurar produtos para importar no Alibaba, é importante que a sua loja virtual esteja legalizada. Portanto, a primeira etapa, é ter a atividade de importação e exportação na razão social da sua empresa.

Em seguida, você precisa ter habilitação no Sistema Integrado de Comércio Interior (Siscomex), uma ferramenta utilizada pelo governo brasileiro para monitorar a exportação e importação de produtos no país.

Para habilitar o seu negócio, verifique, no portal da Receita Federal, os documentos necessários para o seu tipo de empresa.

Feito isso, com os documentos em mãos e o Requerimento de Habilitação ao Comércio Exterior preenchido, compareça a uma unidade de atendimento da Receita Federal e solicite a habilitação do Siscomex.

Quando aprovada a sua solicitação, você estará regularizado para importar produtos do Alibaba.

💡 Saiba mais: Guia completo para importar produtos e vender em sua loja virtual

Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

2. Conheça as formas de importação

Existem três formas principais que você pode utilizar para importar produtos pelo Alibaba. Vamos te explicar quais as principais características de cada uma:

Dropshipping

O dropshipping é a forma mais popular entre e-commerces para vender produtos importados. A principal vantagem deste modelo é que você não precisa ter um estoque.

Ou seja, para cada compra feita na sua loja, você deverá entrar em contato com o fornecedor escolhido na plataforma do Alibaba e solicitar que ele envie a mercadoria diretamente ao seu cliente.

O sistema é indicado, principalmente, para aqueles que ainda estão testando a aceitação dos produtos no mercado e não têm tanto capital para o investimento inicial em estoque.

💡 Saiba mais: Como ter uma loja de dropshipping na Nuvemshop?

Importação direta

Na importação direta, você compra o produto do seu fornecedor antecipadamente e armazena o estoque, já em território nacional.

Essa modalidade é indicada para empreendedores que já estejam seguros de que vão importar grandes quantidades de produtos regularmente e querem deixá-los disponíveis para pronta entrega

Importa Fácil

O Importa Fácil é uma modalidade de serviço oferecida pelos Correios que tem o objetivo de simplificar o processo de importação de empresas de pequeno a médio porte.

A principal vantagem é que você pode contratar, por uma taxa extra, os serviços dos próprios Correios para envio das mercadorias, o que facilita bastante caso você não tenha experiência com esse tipo de processo.

Agora, no que diz respeito às taxas de importação para comprar no Alibaba, leve em consideração que a maioria das negociações são fechadas no modelo FOB (Free on board).

Nesse caso, o exportador se responsabiliza por todos os custos até o embarque da carga no navio, enquanto o importador se responsabiliza pelos custos do destino, como desembaraço da carga e pagamento do frete.

💡 Saiba mais: Quais são os tipos de frete e como escolher o melhor para o seu modelo de negócio?

Nova regras de importação

A partir do dia 1º de agosto de 2023, compras internacionais de até US$ 50 feitas pela internet serão isentas de taxação. Acima deste valor, haverá a cobrança do imposto de importação, que é de 60%. Tal medida se aplica tanto a compras transportadas tanto pelos Correios quanto por empresas privadas.

Para ter direito à isenção, porém, as empresas de e-commerce precisarão aderir ao programa Remessa Conforme do Governo Federal e recolher o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), com alíquota de 17%.

Antes, todas as compras de importados eram taxadas independentemente do valor. A única exceção era a isenção de até US$ 50 para remessas internacionais entre pessoas físicas — o que não incluía pessoas jurídicas.

3. Escolha o que você quer vender

No Alibaba, você vai encontrar uma infinidade de produtos e preços. Pense bem no público-alvo e no segmento que deseja atingir para não acabar comprando produtos pelos quais ninguém vai se interessar no Brasil.

Escolhidos o público e o segmento (como o de sapatos masculinos, por exemplo), faça uma pesquisa de quais itens disponíveis no site você gostaria de importar: sapatos sociais, botas, chinelos, etc.

O próximo conselho não é uma regra, mas não custa nada tentar segui-lo: escolhidos os tipos de produtos, tente encontrar o máximo de itens que você deseja do mesmo fornecedor. Isso porque, quanto mais produtos comprar de um mesmo fornecedor, mais chances de conseguir uma negociação melhor.

💡 Saiba mais: Como vender produtos importados na sua loja virtual?

4. Faça o contato com o fornecedor

A melhor parte de importar do Alibaba — e o que o diferencia dos e-commerces tradicionais — é que ele permite que você entre em contato diretamente com o fornecedor.

Você pode fazer isso de duas maneiras: clicando em Contatar Fornecedor” ou em “Comparar”. As duas formas são parecidas, mas a ideia é que, ao solicitar para comparar produtos, você receba a informação de valores de várias empresas diferentes. Isso porque a solicitação será enviada para vários fornecedores com perfis semelhantes ao escolhido por você.

Captura de tela do site do Alibaba, a etapa de contato com fornecedores para importar do Alibaba

 

Para mandar uma comunicação efetiva ao fornecedor, lembre-se de mencionar na mensagem os seguintes pontos:

  • Que quantidade desse tipo de produto você gostaria de importar e quantas unidades de cada variação (tamanho, cores, etc);
  • Qual a quantidade mínima por produto (QMP) que você pode importar;
  • A frequência com a qual você gostaria de fazer essa importação e qual valor ele conseguiria te oferecer para ser um fornecedor recorrente;
  • Quais opções para o pagamento do pedido ele pode te oferecer;
  • Existe algum custo para o envio de amostra do produto em questão antes de fechar a negociação?

Essa última pergunta é fundamental para você ter certeza que não está levando gato por lebre e, de fato, comprando produtos com uma boa qualidade.

Enviada a mensagem, leve em conta que pode demorar alguns dias para que você receba um retorno. Enquanto isso, continue pesquisando outros fornecedores para ganhar tempo caso a primeira opção não atenda às suas necessidades.

💡 Saiba mais: Como escolher fornecedores de produtos para revenda?

5. Acerte os detalhes da negociação

Depois que você já recebeu a amostra do produto e decidiu por continuar o processo de importação pelo Alibaba, você precisará acertar alguns detalhes com o fornecedor antes que o acordo seja finalizado. Veja:

Forma de pagamento do pedido

Existem muitas formas de realizar um pagamento internacional, porém a maioria delas não oferece nenhuma garantia caso você sofra um golpe.

Tome muito cuidado com esse ponto da negociação; além de só fazer acordo com fornecedores certificados, dê preferência aos que permitem o pagamento do pedido por meios de pagamentos seguros.

Quando o pedido será entregue?

Se você nunca comprou da China ou de qualquer outro país, talvez não saiba que as encomendas geralmente demoram de 40 a 60 dias para serem entregues, mas esse prazo é só uma estimativa.

Na realidade, os pedidos podem demorar mais se a mercadoria precisar passar por um dos chamados canais de inspeção alfandegária ou se o navio precisar mudar a rota por algum motivo, por exemplo.

Portanto, é melhor não fechar a negociação em cima da hora para não correr o risco de ficar, literalmente, a ver navios.

💡 Saiba mais: Como rastrear encomendas da China para o Brasil?

6. Pague os impostos

Toda importação exige o pagamento de impostos, já que os produtos deverão passar pelo processo de desembaraço aduaneiro na alfândega. De modo geral, são cobrados os seguintes tributos:

  • Imposto de Importação (II);
  • Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI);
  • Imposto sobre operações relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte interestadual, intermunicipal e de Comunicação (ICMS).

As alíquotas dependem do tipo de produto que você está importando, mas a média do imposto de importação é de 18%. Se tiver dúvidas sobre essa parte, contrate um serviço de contabilidade para te ajudar nos trâmites burocráticos.

💡 Saiba mais: O que é taxa de importação e quais os valores sobre produtos em 2024?

7. Contrate um despachante aduaneiro

Se você vai importar um volume considerável de produtos, é melhor contratar um despachante aduaneiro para realizar o desembaraço da carga assim que ela chegar ao Brasil. Esse profissional verifica se a remessa está correta, recolhe os impostos devidos à Receita e libera os produtos no porto.

Comprar no Alibaba é seguro?

Comprar no Alibaba é seguro desde que você se certifique de que está fechando negócio com fornecedores confiáveis. Se seguir as dicas deste conteúdo, as chances de que você tenha sucesso em suas negociações aumentam.

Não feche negócio apostando todas as suas fichas se ainda não estiver totalmente seguro que o fornecedor vai ser capaz de entregar o seu pedido com a mesma qualidade que a amostra. Mesmo que você tenha que atrasar o lançamento da sua loja, nesses casos, a pressa costuma ser inimiga da perfeição.

Tire todas as dúvidas para ter certeza de que os dois lados estão falando “a mesma língua” quanto ao que deve ser entregue, isso evitará prejuízos posteriormente. Existem milhares de outros fornecedores seguros e certificados no Alibaba, então não tenha medo de dizer um “não” se estiver desconfiado do acordo.

Se a sua empresa já está com a documentação em dia e você pretende comprar uma leva muito grande de produtos (mais de 20 mil dólares), pergunte ao fornecedor se o pagamento pode ser feito com um cartão de crédito. Essa é uma forma segura (para ambos) de fazer pagamentos de grandes quantias à distância.

Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

Pronto para importar do Alibaba?

Agora que você já sabe como importar do Alibaba, sabe que é possível fazer isso com sucesso, mesmo que você nunca tenha tido experiência com isso antes.

Estudar bem o modelo de negócio e as práticas mais comuns, tomar algumas precauções básicas de segurança (principalmente com relação ao seu dinheiro) e desconfiar de qualquer proposta “milagrosa” já são boas dicas para que você consiga importar sem problemas.

E, se você ainda não vende pela internet, que tal criar a sua loja virtual grátis com a Nuvemshop? É fácil, rápido e sem a necessidade de conhecimentos técnicos para começar a vender e lucrar! 💙

Aqui você encontra:

Perguntas frequentes sobre como importar do Alibaba

  • Regularize sua empresa;
  • Defina a forma de importação;
  • Escolha o que vai importar;
  • Faça contato com o fornecedor;
  • Acerte os detalhes da negociação;
  • Pague os impostos;
  • Contrate um despachante aduaneiro.

É permitido comprar pelo Alibaba como pessoa física. Mas, caso você queira importar para revender no Brasil, é importante que a sua loja virtual esteja legalizada e com habilitação no Sistema Integrado de Comércio Interior (Siscomex).

Comprar no Alibaba é seguro desde que você se certifique de que está fechando negócio com fornecedores confiáveis. Caso pretenda fazer pedidos grandes, prefira fornecedores que aceitem pagamentos com cartão de crédito. Essa é uma maneira mais segura de fazer pagamentos de grandes quantias à distância.

Faça como +100 mil lojas e
crie a sua Nuvemshop

Criar loja grátis
Crie a sua loja na Nuvemshop

Nosso site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao acessar o site da Nuvemshop, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies