Aprenda quando e como pedir feedback ao cliente

Por: Fabiano Salgado

Imagem mostrando um letreiro de madeira com a palavra

Como pedir feedback ao cliente?

  1. Permita o anonimato
  2. Foque em pontos específicos
  3. Faça perguntas claras e abertas
  4. Incentive e agradeça a participação dos clientes
  5. Crie formulários

Você já aprendeu o que é feedback, como utilizá-lo e por que esta ferramenta é tão importante para potencializar o crescimento da sua loja online: é através dele que as grandes e pequenas mudanças no seu negócio serão direcionadas, além de ser desenvolvido o relacionamento com o público.

Agora, vamos analisar quais as melhores formas e ocasiões de pedir a opinião dos seus clientes para que seu timing seja perfeito e eficiente – e as respostas, realmente construtivas!

Como pedir feedback ao cliente?

O meio de comunicação mais prático e eficiente para uma loja online pedir feedbacks é o e-mail. Além de possibilitar a emissão de uma mensagem clara e detalhada, ele não exige retorno imediato e, assim, tem mais chances de ser respondido com atenção.

O pós-venda é também uma excelente oportunidade para obter feedback. Você pode acompanhar a entrega do produto pelo site dos Correios ou da transportadora escolhida e, quando a mesma for efetuada, entrar em contato com o consumidor perguntando se ele está satisfeito com a compra, não se esquecendo de pedir sugestões e agradecer pela preferência.

Ademais, algumas boas práticas podem te ajudar a obter essas informações de forma mais eficiente. Confira, na sequência, quatro dicas sobre como pedir feedback ao cliente.

1. Permita o anonimato

Se o cliente não estiver confortável para expor sua opinião sincera, dificilmente irá interagir – e, se o fizer, pode deixar de fazer críticas construtivas. Isso significa que, permitindo que a pessoa a responder o formulário não se identifique, a probabilidade de participação é maior.

2. Foque em pontos específicos

Perguntar o posicionamento do consumidor em relação ao serviço de modo geral pode ser um ponto de partida, mas não é o suficiente para identificar os aspectos que devem ser melhorados. É preciso pontuar cada parte a ser analisada para que se tenha uma visão mais completa do nível de contentamento.

Aborde um tema em cada pergunta do formulário, de preferência em ordem de contexto. Por exemplo: “Você gostou do produto?, “Como se sentiu com relação a entrega?”, “O prazo estava dentro do esperado?”, entre outras.

3. Faça perguntas claras e abertas

Não faça perguntas cuja resposta possa ser simplesmente “sim” ou “não”. Ao invés de, por exemplo, perguntar “Você está satisfeito com nosso atendimento?”, opte por “O que lhe agrada em nosso atendimento e o que devemos fazer para melhorá-lo?”. Desta forma, além de saber se o cliente está contente ou não com o serviço, você também tem uma direção para seguir no momento de promover mudanças – algumas dicas de como oferecer um bom atendimento ao cliente, aliás, podem ser extremamente úteis.

Depois de elaborar seu formulário com cuidado, envie-o por e-mail aos clientes, convidando-os a responder. No caso dos periódicos, as questões devem estar sempre diversificadas entre um e outro, para que seu preenchimento não se torne algo repetitivo e desestimulante. Se esta troca se mantiver constante, o cliente sentirá maior envolvimento com a loja, pois acompanhará o progresso e o resultado de seus feedbacks. Assim, sua fidelização se tornará mais sólida.

4. Incentive e agradeça a participação dos clientes

Incentive a participação da sua audiência oferecendo descontos, cupons, brindes, materiais informativos, etc. Isso irá definitivamente aumentar o número de respostas recebidas.

Além disso, nunca deixe de agradecer os feedbacks recebidos, sejam eles positivos ou não. Essa é uma forma de demonstrar que você realmente tem interesse em saber como seu cliente se sente e o que ele pensa sobre seus produtos e serviços.

5. Crie formulários

Por fim, organize as questões em formulários para facilitar a interação dos clientes com as perguntas que você deseja fazer. Esse modelo tende também a ajudar na obtenção de respostas mais claras e assertivas, já que permite que você crie questões nos mais diversos formatos.

Para fazer isso, você pode contar com ferramentas bastante práticas e intuitivas como o Google Forms e o Typeform, ambos com planos gratuitos.

Em que momento pedir o feedback ao cliente?

O ideal é que o cliente dê o feedback logo após consumir o serviço, já que a experiência de compra será recente e, portanto, mais presente na memória, pois, provavelmente, estará mais disposto a se recordar de todo o processo. Além disso, a tendência é que, com o tempo, os aspectos positivos percam o destaque diante de algo não tão bom, e com isso o posicionamento pode ficar incompleto.

Isso não significa, porém, que você não possa pedir feedback em situações diferentes. É interessante buscar uma resposta a cada vez que alguma alteração importante for implantada (desde que esta influencie diretamente na prática do público, é claro). Se você alterar a política de pagamento ou entrega da sua loja online, por exemplo, este questionamento é indispensável. Nem sempre os consumidores ficam satisfeitos com mudanças, e ouvir o que eles têm a dizer evita o risco de perdê-los.

Recomenda-se, também, que sejam realizados pedidos de feedback periódicos. Estime um limite de tempo médio que compreenda as compras dos clientes fidelizados e a chegada de novos para saber a frequência com que eles costumam utilizar seus serviços. Depois, de acordo com seu levantamento, promova, durante o espaço cronológico determinado, ações que incentivem seus consumidores a interagir. Mantendo este relacionamento ativo e satisfatório, você sempre estará atualizado e pronto para o próximo passo.

Como incentivar o envio de feedback?

Para aumentar a disposição das pessoas na participação, você pode criar um sistema de recompensas e oferecer benefícios exclusivos àquelas que responderem aos formulários. De acordo com a logística da sua empresa, escolha algo útil para o participante e viável para o seu trabalho. Pode ser frete grátis na próxima compra, descontos especiais nos produtos ou qualquer outro incentivo. Esta iniciativa, além de estimular o feedback, também promove novas vendas.

À parte disso, você não pode se esquecer do ponto chave. Faça o cliente se sentir importante (mesmo porque, na verdade, ele é indispensável). Comente o quanto cada opinião é valiosa para a sua loja virtual e, sempre que realizar alguma melhoria, deixe claro que isso só foi possível graças aos feedbacks, reconhecendo as boas ideias que surgirem. E não se esqueça, claro, de implementar as transformações rumo ao sucesso!

Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

Resumo

Compreendeu todo o poder do feedback? Então, use essas informações supervaliosas a seu favor e leve o seu negócio cada vez mais longe. Quanto mais alinhado a expectativa do seu consumidor você estiver, maior sucesso você terá.

Antes de finalizar, confira um rápido resumo sobre o conteúdo:

Como pedir feedback ao cliente?

  1. Permita o anonimato
  2. Foque em pontos específicos
  3. Faça perguntas claras e abertas
  4. Incentive e agradeça a participação dos clientes
  5. Crie formulários

Em que momento pedir o feedback ao cliente?

O momento ideal para pedir o feedback é logo após o cliente consumir o serviço, já que a experiência de compra será recente e, portanto, mais presente na memória dele.

E se você ainda não vende online, oque acha de fazer um teste por 30 dias grátis com a Nuvemshop? Crie sua loja e comece a vender hoje mesmo, é prático, seguro e não precisa de conhecimentos técnicos! 💙

Aqui você encontra:

Faça como +90 mil lojas e
crie a sua Nuvemshop

Testar 30 dias grátis
Crie a sua loja na Nuvemshop

Nosso site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao acessar o site da Nuvemshop, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies