YouTube: saiba tudo sobre a maior plataforma de vídeos do mundo

Por: Kawan Lopes

YouTube: saiba tudo sobre a maior plataforma de vídeos do mundo

No Brasil, mais de 80% da população tem o hábito de assistir a vídeos online, segundo uma pesquisa feita pela Kantar IBOPE Media. Considerando que, hoje, a maior plataforma de vídeos do mundo é o YouTube, volta e meia podem surgir dúvidas a respeito do serviço. Afinal, o que é o YouTube?

Com mais de um bilhão de usuários espalhados por mais de 100 países, a ferramenta líder no mercado de conteúdo digital construiu uma autoridade admirável ao longo dos anos. Além do mais, independentemente de quantas redes sociais e novidades possam surgir, o YouTube sabe como manter o seu público engajado.

Portanto, neste artigo, vamos aprender tudo sobre o YouTube e como usar a plataforma de vídeo. Preparado? Então, siga a leitura! 🧐

Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

O que é YouTube?

YouTube é uma plataforma online que permite a criação e o consumo de conteúdos em vídeo via streaming. Ou seja, para assistir aos vídeos publicados, não é necessário fazer nenhum tipo de download, basta estar conectado à internet.

Com bilhões de usuários ativos em todo o mundo, o serviço é responsável por 37% do tráfego mundial de internet móvel, segundo a pesquisa The Mobile Internet Phenomena Report, realizada pela Sandvine.

Disponível nos mais diversos dispositivos, a qualidade e a boa experiência de navegação são pontos fortes da plataforma. Além de permitir que os usuários assistam a vídeos de qualquer lugar, boa parte dos conteúdos são disponibilizados com resolução 4K.

Como funciona o YouTube?

Na prática, o YouTube é uma grande rede colaborativa na qual os próprios usuários podem criar e compartilhar conteúdos. Para aqueles que buscam apenas assistir, a plataforma disponibiliza um acervo incontável de vídeos dos mais variados tipos.

A dinâmica, no entanto, pode ser diferente de acordo com o objetivo do usuário. Vejamos:

  • Criadores: acessam a plataforma para editar, publicar e divulgar conteúdos;
  • Espectadores: acessam a plataforma em busca de vídeos para assistir via smartphone, desktop, smart TV etc.

Contudo, como o YouTube é basicamente uma rede social aberta ao público geral, um espectador também pode se tornar um criador e vice-versa.

História do YouTube

O YouTube foi criado em 2005 por Chad Hurley, Jawed Karim e Steve Chen, na época, funcionários do PayPal. A princípio, a ideia era construir uma plataforma que tornasse o compartilhamento de vídeos mais ágil, já que, via e-mail, o envio desse tipo de arquivo era um tanto quanto complicado.

Em uma época em que a internet ainda dava passos tímidos, o site logo se tornou uma febre entre os usuários. Com isso, não demorou muito para que grandes marcas notassem a plataforma. A Nike, inclusive, foi a primeira empresa a apostar no potencial do YouTube, publicando o icônico vídeo do jogador de futebol Ronaldinho Gaúcho calçando suas chuteiras e fazendo alguns exercícios de treino.

Em 2006, o YouTube chamou a atenção do Google, que comprou a plataforma por US$1,65 bilhão. A compra é vista hoje como uma “pechincha” devido ao grande potencial comercial do serviço.

O nome YouTube veio da junção das palavras inglesas “you“, que significa “você” e “tube“, que pode ser entendido como uma gíria para “TV”. Desse modo, YouTube significa algo como “Sua TV”, o que representa, de fato, a proposta do serviço.

Como usar o YouTube?

Agora que você conheceu a história do YouTube, que tal aprender como usar os diversos recursos da plataforma? Separamos um passo a passo completo, confira na sequência.

Encontre vídeos

A página inicial do YouTube reúne os principais vídeos em alta de acordo com a região em que você estiver acessando. Caso você já tenha uma conta, ao fazer o login, a homepage irá exibir uma seleção de vídeos com base em suas preferências, conteúdos assistidos anteriormente, canais em que você é inscrito etc.

Mas, se você estiver em busca de algo específico, é muito simples. Basta clicar na barra de pesquisa localizada no topo da página — ou aplicativo, em caso de dispositivos móveis — e digitar a palavra-chave relacionada ao que você deseja assistir.

Por exemplo, se você está em busca de um tutorial sobre como montar uma loja virtual, basta digitar: “como montar uma loja virtual” e pesquisar:

Captura de tela sobre o que é YouTube.

Interaja com os demais usuários

É possível interagir com outros usuários nos vídeos publicados por meio de comentários, likes e deslikes. Além disso, durante as transmissões de vídeos ao vivo, você pode conversar via chat online com os demais espectadores.

Para realizar qualquer uma dessas ações, basta rolar a tela para baixo quando estiver assistindo a um vídeo. Você irá encontrar os ícones de “like”e “deslike” e o painel de comentários:Captura de tela sobre o que é YouTube.

Compartilhe conteúdo

Outro recurso muito importante do YouTube é o de compartilhamento de vídeos. A plataforma permite que você envie links de qualquer conteúdo publicado por meio de suas redes sociais ou pelo próprio link.

Além disso, caso você mesmo tenha publicado um vídeo na plataforma e não queira deixá-lo disponível para todos os usuários, é possível classificá-lo como vídeo privado e gerar um link especial que só funcionará para aqueles que o receberem.

Para enviar um vídeo ou postá-lo em suas redes sociais, basta clicar em “Compartilhar” e selecionar a forma como deseja encaminhar o conteúdo:

Captura de tela sobre o que é YouTube.

Salve vídeos e crie listas

Se você tem o costume de criar playlists ou salvar conteúdos para assistir em outros momentos, o YouTube tem funcionalidades específicas para isso. Ao clicar no botão “Salvar”, você terá a opção de armazenar o vídeo em uma lista padrão chamada “Assistir mais tarde” ou criar suas próprias playlists e salvar os vídeos de sua preferência.

E, se você é criador de conteúdo, organizar os vídeos em playlists também tem seus benefícios. Além de deixar o seu canal mais organizado, isso irá facilitar a navegação dos usuários e a busca por materiais específicos.

Inscrição e notificações

As inscrições e notificações são úteis para usuários que acompanham conteúdos frequentemente na plataforma, como canais de YouTubers, por exemplo. Ao se inscrever em um canal e ativar as notificações, você receberá um aviso sempre que um vídeo novo for publicado.

A ideia é manter o espectador informado e engajado quanto aos vídeos do canal. Para o criador de conteúdo, esse é um fator de extrema importância, já que, além de aproximar o público, quanto maior o número de inscritos, maiores serão as chances de o YouTube recomendar os conteúdos do canal para mais usuários.

💡 Saiba mais: Vídeo marketing: o que é e como utilizar a estratégia digital?

Como publicar um vídeo no YouTube?

Está pensando em publicar seus próprios conteúdos na plataforma? Então, confira o passo a passo completo sobre como postar vídeos no YouTube:

1. Acesse o site do YouTube

Na página principal do YouTube, clique no ícone de “Criar”, localizado no canto superior direito da tela:

Captura de tela sobre o que é YouTube.

2. Crie o seu canal

Se você ainda não tiver um canal no YouTube, será o momento de criar um. Para isso, escolha o nome que deseja e uma foto para o perfil:Captura de tela sobre o que é YouTube.

3. Selecione o vídeo que deseja publicar

Após criar o canal, você será direcionado para o painel administrativo do Studio YouTube — ferramenta própria da plataforma para edição de vídeos. Para dar prosseguimento, basta clicar em “Enviar vídeo” e “Selecionar arquivos”. Escolha o vídeo que deseja publicar e aguarde o carregamento:

Captura de tela sobre o que é YouTube.

4. Preencha as informações do vídeo

Enquanto o vídeo é carregado, você poderá preencher algumas informações importantes sobre o conteúdo, como:

  • Título;
  • Descrição;
  • Miniatura (imagem de capa do vídeo);
  • Playlist (caso o vídeo faça parte de alguma);
  • Restrição de idade (em casos de conteúdos inadequados para crianças);
  • Promoção paga (caso o seu vídeo seja patrocinado);
  • Tags (palavras-chave que ajudam o público a encontrar seus vídeos);
  • Configurações de legendas e idiomas;
  • Categoria do vídeo;
  • Configurações de comentários e avaliações.

💡 Saiba maisO que é SEO para Youtube e como otimizar seus vídeos?

5. Publique o vídeo

Após o vídeo ter sido carregado por completo, ele estará pronto para ser publicado em seu canal. Bem prático, não é? 😉

💡 Saiba mais: Como fazer vídeo para o YouTube?

Regras para publicar vídeos no YouTube

Antes de mais nada, é importante ter em mente algumas regras cruciais para a publicação de vídeos no YouTube. Na plataforma, não são permitidos materiais que contenham:

  • Violação de direitos autorais;
  • Violação de privacidade;
  • Conteúdo sexual ou nudez;
  • Conteúdo prejudicial ou perigoso;
  • Conteúdo explícito ou violento;
  • Risco à segurança infantil;
  • Incitação ao ódio;
  • Assédio e bullying digital;
  • Spam e golpes;
  • Falsificação de identidade.

Além disso, conteúdos que contenham desinformação ou informações falsas também são proibidos. Nesses casos, além da remoção do vídeo, o criador corre o risco de ter o seu canal suspenso pela plataforma.

Serviços do YouTube

O YouTube possui alguns serviços adicionais que podem ser bastante úteis para criadores e usuários da plataforma. Vamos conhecê-los:

YouTube ao vivo

Assim como todas as redes sociais, o YouTube também é parte da tendência das lives. Na verdade, antes mesmo de essa prática viralizar, a plataforma já contava com o recurso de transmissões ao vivo.

Portanto, se você é criador de conteúdo ou deseja promover alguma ação, serviço ou produto no YouTube, é possível fazer isso por meio das lives. Para realizar uma transmissão ao vivo, basta ir até o seu canal, clicar em “Criar” e depois em “Transmitir ao vivo”.

💡 Saiba mais: Live commerce: como usar na sua estratégia de vendas?

YouTube Premium

O YouTube Premium é uma opção de assinatura criada pela plataforma que oferece algumas facilidades, como:

  • Reprodução de vídeos sem anúncios;
  • Download de conteúdos para assistir offline;
  • Reprodução de vídeos em segundo plano (sem precisar estar com o aplicativo aberto).

O YouTube Premium possui três planos diferentes:

  • Individual: R$20,90 ao mês;
  • Estudantil: R$12,90 ao mês;
  • Família: R$31,90 ao mês (permite até cinco usuários da mesma residência).

Caso você tenha interesse em contratar o serviço, é possível fazer um teste gratuito por um mês.

YouTube Music Premium

Apostando no mercado de streaming, o YouTube lançou sua própria plataforma de músicas, o YouTube Music Premium. Assim como seus principais concorrentes — Spotify e Apple Music — , a ferramenta disponibiliza um catálogo com milhões de músicas e artistas.

Além disso, o serviço conta com os mesmos benefícios oferecidos pelo YouTube Premium. Os planos disponíveis são:

  • Individual: R$16,90 ao mês;
  • Família: R$25,50 ao mês (permite até cinco usuários da mesma residência);
  • Estudante: R$8,50 ao mês.

O YouTube Music Premium também oferece período de teste grátis por um mês.

YouTube Gaming

Por fim, temos o YouTube Gaming, um diretório criado especialmente para os apaixonados por jogos. Nele, você encontra um acervo de conteúdos sobre o universo dos games, além de diversas live streamings de todo o mundo.

O serviço é totalmente gratuito e, para acessá-lo, basta ir até a página YouTube Gaming.

Como fazer marketing no YouTube?

Muito se engana quem pensa que o YouTube serve apenas para entretenimento. Para marcas que buscam encontrar clientes online, esse pode ser um ótimo canal de venda.

O primeiro passo para fazer isso é entender se o seu público-alvo está no YouTube, caso contrário, não fará sentido investir no canal. Feito isso, você deverá mapear as palavras-chave que podem ser atrativas de acordo com os interesses da sua audiência.

Por exemplo, se você vende eletrodomésticos e decidiu criar um vídeo de unboxing de uma fritadeira elétrica, é importante que as palavras-chave do vídeo contenham, no mínimo, os termos:

  • Fritadeira elétrica;
  • Airfryer;
  • Modelo e marca do produto.

Desse modo, quando um consumidor procurar por um vídeo a respeito do produto, as chances de o seu conteúdo aparecer em destaque são maiores.

Além do unboxing experience, outra estratégia assertiva de vendas no YouTube é contar com influencers — ou influenciadores digitais —, que são pessoas com autoridade sobre determinados assuntos e que possuem grande engajamento na internet.

Unir o seu canal do YouTube a uma estratégia de influenciadores, irá potencializar o alcance da sua marca nesse canal e, consequentemente, aumentar suas vendas.

💡 Saiba mais: Como vender no YouTube?

Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

Tudo certo sobre o YouTube?

Agora que você já sabe o que é Youtube e como utilizar seus recursos, criar e publicar conteúdos na plataforma não parece mais um bicho de sete cabeças, certo? Sem dúvidas, esse é um canal com grande potencial para a divulgação de marcas. Portanto, se você vende pela internet, apostar no YouTube pode ser uma ótima ideia.

E, se você ainda não vende online, o que acha de criar sua loja virtual na Nuvemshop? Faça um teste grátis por 30 dias e conte com uma plataforma completa, prática e segura! 🚀

Aqui você encontra:

Perguntas frequentes

YouTube é uma plataforma online que permite a criação e o consumo de conteúdos em vídeo via streaming. Ou seja, para assistir aos vídeos publicados, não é necessário fazer nenhum tipo de download, basta estar conectado à internet.

  1. Acesse o site do YouTube;
  2. Crie o seu canal;
  3. Selecione o vídeo que deseja publicar;
  4. Preencha as informações do vídeo;
  5. Publique o vídeo.

Faça como +100 mil lojas e
crie a sua Nuvemshop

Criar loja grátis
Crie a sua loja na Nuvemshop

Quer mudar de vida vendendo pela internet?

Crie agora sua loja virtual com a Nuvemshop e venda de maneira profissional.

Criar minha loja

Nosso site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao acessar o site da Nuvemshop, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies