07/03/2016

4 dicas de como oferecer produtos importados na sua loja online

Ao vender produtos importados, há alguns pontos que você precisa se atentar durante a estruturação da sua loja virtual para que possa oferecer um processo de compra tranquilo e eficiente aos seus clientes.

Nesta aula, te daremos algumas dicas de o que é essencial ter em conta antes de começar a vender.

1. Defina o tempo de entrega

Caso você não possua estoque a pronta entrega, é importante considerar que o tempo de envio da compra será bem maior, pois o produto terá que ser enviado do fornecedor estrangeiro.

Portanto, não se esqueça de deixar clara a informação do prazo de entrega para seus clientes. Ser transparente com essa questão pode ajudar a aumentar a confiança do comprador na sua loja.

2. Disponibilize as informações técnicas

É essencial também que você disponibilize em sua loja fotos de todos os produtos que vai vender. Mesmo que não tenha os itens em mãos, você pode solicitar ao fornecedor as respectivas imagens e especificações técnicas, como o tecido de composição das peças.

Se o seu segmento é vestuário, por exemplo, não se esqueça de informar aos compradores a tabela de medidas das peças.

Caso os itens vendidos tenham um modo específico de usar, lembre-se de indicá-lo na descrição do produto. Por serem importados, eles podem vir com essa informação em alguma língua estrangeira, dificultando o entendimento do cliente.

3. Ofereça garantia para os produtos

Lembre-se que todas as lojas virtuais devem seguir a lei do e-commerce, portanto, independente de sua loja funcionar no formato dropshipping, você deve oferecer uma política de troca eficiente no caso de defeitos nos produtos.

Você também deve garantir ao cliente a opção de receber o dinheiro de volta caso se arrependa da compra. Por isso, é importante se preocupar em como vai funcionar a logística reversa do seu negócio.

4. Venda produtos legais

Lembre-se, por fim, que existem produtos vendidos no exterior que não têm autorização do governo para serem comercializados no Brasil, como, por exemplo, alguns tipos de suplementos alimentares e medicamentos.

O ideal é que você não ofereça tais produtos em sua loja virtual pois eles não foram testados pelos órgãos brasileiros responsáveis, o que os configura como ilegais, além de oferecer riscos à saúde de quem venha a consumi-los.

Resumo

Assegurar que seus clientes tenham acesso às informações essenciais do que estão comprando e recebam produtos de qualidade dentro do prazo estimado pode garantir que sua loja receba avaliações positivas dos compradores e contribuir para o sucesso do seu empreendimento.

Além disso, seguir a lei do e-commerce e definir as políticas da sua loja antes de começar a vender irá te ajudar a estruturar melhor seu negócio e consequentemente evitar problemas futuros com o pós-venda.

Data da última atualização: 29/08/2018


O que você achou desse conteúdo?


Renata Estevo

Renata é formada em relações internacionais e trabalha como consultora de e-commerce na Nuvem Shop. Adora colecionar cartões postais, não perde um jogo do seu time do coração, o Chelsea FC, e também não passa um dia sem usar o Pinterest.


    4-dicas-de-como-oferecer-produtos-importados-na-sua-loja-online