O que é mobile first e qual é a sua importância?

Por: Rock Content

Imagem mostrando uma pessoa acessando um site através do celular, representando a importância do mobile first.

Aqui você encontra:

Mobile first é a prática de priorizar dispositivos móveis na criação e no desenvolvimento de um produto ou serviço que, posteriormente, pode ser adaptado para o desktop.


Você está com o seu celular? Se não estiver lendo este artigo por ele, está realizando alguma outra atividade —  como conferir as mensagens do WhatsApp, e-mails ou anotações, acertei?

Essa é a tendência de consumo mais poderosa da transformação digital. Já faz algum tempo que a nossa experiência de tecnologia deixou de ser focada apenas nos desktops.

Os tablets e smartphones estão por todo lugar. Sabendo disso, ao ingressar no mercado digital, pensar em mobile first deve ser prioridade na sua lista de tarefas.

Não sabe o que é mobile first? Sem problemas! Vem comigo que, neste conteúdo, separei tudo o que você precisa saber sobre o assunto. Vamos começar? 😉

O que é Mobile First?

Mobile first — no português, “móvel em primeiro lugar” — , é uma prática de marketing digital que tem como foco dispositivos móveis na criação de produtos e serviços digitais.

Basicamente, o criador ou desenvolvedor inicia o projeto com foco na usabilidade via smartphones, tablets etc e, caso queira, o adapta para desktops posteriormente.

Essa prática se dá pelo comportamento do usuário, que está cada vez mais adepto aos dispositivos móveis. E, para quem quer ganhar notoriedade na internet, pensar em mobile first irá fazer toda a diferença.

Isso porque o Google, que é rápido em perceber o comportamento do usuário e se adaptar a ele, fez uma mudança em seus algoritmos em meados de 2017. É o mobile-first index. Já ouviu falar sobre o assunto? Então veja agora tudo que precisa saber sobre ele e como usá-lo a seu favor!

💡 Saiba mais: Mobile e jornada de compra: qual é a relação?

O que é ranqueamento?

Ranqueamento é apenas outro nome para “classificação”. Para entender melhor, vamos dar um contexto mais amplo do que é classificado.

Para dar conta de atender à demanda absurda de pesquisas feitas todos os dias e apresentar resultados que satisfaçam os usuários, o Google (e outros motores de busca) elege as páginas mais relevantes para cada assunto.

Essa classificação determina o que aparece no topo da primeira página (a página que o Google entende ser a mais relevante de todas naquele tópico) ou o que fica para trás.

Quanto melhor o ranqueamento, ou posição da página, nos resultados do Google, mais visitas ela consegue. O que é muito valioso numa estratégia de marketing digital.

Como o mobile-first index funciona?

O mobile-first index é uma política do Google que prioriza páginas na versão mobile no momento da indexação. Isto é, sites que priorizam a experiência de navegação em dispositivos móveis, como smartphones, são preferência na corrida pela primeira página de resultados.

Por muito tempo, os sites eram projetados para agradar só quem usava dispositivos de tela grande, como computadores. À medida que os celulares se desenvolveram e ganharam espaço, isso foi mudando.

Assim, o mobile-first index é a forma de o Google reconhecer e estimular isso. Agora o gigante das buscas vai dar preferência a sites que levam o mobile a sério na hora de classificar as páginas mais relevantes.

💡 Saiba mais: Como indexar um site no Google?

Como se adaptar ao mobile first?

Se ainda não deu sequer um passo para criar uma experiência de navegação móvel de qualidade para seu público, você terá bastante trabalho em reformular radicalmente a sua estratégia digital.

Sem mais delongas, aqui está o que você precisa fazer:

1. Tenha um layout responsivo

Já faz algum tempo que se fala sobre a importância de ter um site responsivo para oferecer uma melhor experiência de uso para a sua persona, considerando que os usuários navegam cada vez mais na internet a partir de aparelhos móveis.

O design responsivo se adapta à tela de qualquer dispositivo, mas pode ser feito primeiro para aparelhos de mesa. O mobile first também se adapta. Porém, a experiência primária é projetada para dispositivos móveis, e só depois adaptada para computadores e afins.

Mas, se o resultado final é o mesmo, qual a diferença? Sites mobile-first são mais leves e rápidos, o que conta muito —  tanto para o Google, quanto para os usuários.

💡 Saiba mais: O que é design responsivo?

2. Acelere o carregamento das páginas

Já que falamos sobre velocidade de carregamento, vamos nos aprofundar um pouco no assunto. Além de ter um site mobile first, há várias outras medidas que você pode adotar para acelerá-lo.

Uma delas é conhecida como AMP (Accelerated Mobile Pages), ou “Páginas Móveis Aceleradas”. Um nome bem autoexplicativo, não acha?

A importância de acelerar as suas páginas móveis está comprovada em números. De acordo com o Google, impressionantes 53% das pessoas abandonam um site móvel se ele demorar mais de 3 segundos para carregar!

3. Crie conteúdo para todos os dispositivos

Muitos sites responsivos criam um conteúdo incrível para as telas grandes, mas, para resolver as limitações dos dispositivos menores, simplificam demais o material — o que prejudica a qualidade da mensagem.

Essa é mais uma vantagem de ter um site mobile first. Seu conteúdo vai ser criado primeiro para as telas menores e só depois adaptado para as maiores. O que deve garantir a qualidade e unidade entre os materiais apresentados em qualquer aparelho.

Isso é relevante porque o Google continua considerando a qualidade do conteúdo como um dos principais fatores de ranqueamento, seja no mobile ou não.

4. Opte por plataformas mobile first

Por fim, é fundamental sempre procurar por plataformas mobile first. Uma vez que você cria ou hospeda sua página em um sistema já alinhado com essa tecnologia, suas preocupações com relação a esse assunto podem ser descartadas.

Isso porque você irá criar sua loja virtual em um sistema que já foi projetado para dispositivos móveis. Com isso, sua página de vendas estará alinhada com os parâmetros de indexação do Google. Além disso, você terá benefícios como a melhoria na experiência do usuário e maiores chances de conversão.

A Nuvemshop, por exemplo, é uma plataforma mobile first e todas as lojas criadas através dela possuem design responsivo como configuração padrão. Desse modo, os lojistas não precisam se preocupar com a indexação de suas lojas virtuais e podem focar em outras estratégias de marketing para alavancarem seus negócios.

Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

Qual é a importância do mobile first no e-commerce?

Se você vende na internet, certamente já sabe da importância do posicionamento de uma página nos resultados de pesquisa, certo? No entanto, quando pensamos em e-commerce, o mobile first vai além disso.

O primeiro ponto a considerar é que, metade das compras online acontecem via dispositivos móveis, e não sou eu que estou dizendo. A pesquisa Webshoppers 43 feita pela E-bit/Nielsen mostrou que, em 2020, 55% das transações realizadas no e-commerce aconteceram por meio de smartphones, tablets etc.

Portanto, imagine se sua loja virtual não atendesse às expectativas de navegação de metade dos seus clientes. O impacto em sua taxa de conversão seria no mínimo catastrófico, certo?

Por isso, pensar em mobile first vai além de ajudar no alcance da sua marca. Essa prática irá impactar diretamente na experiência do seu consumidor e, consequentemente, no seu ticket médio.

Quais são as vantagens do mobile first?

Será mesmo que uma simples mudança na forma de classificar as páginas da web pode fazer tanta diferença na sua estratégia de marketing digital? A resposta é sim!

A mudança pode mesmo parecer pequena, mas traz grandes benefícios na prática. Veja três exemplos:

1. Tráfego orgânico

O tráfego orgânico depende diretamente de uma estratégia bem estruturada de SEO, o que impacta na posição de ranqueamento de uma página nos mecanismos de busca. Isso quer dizer que o seu site pode ser a preferência dos buscadores e receber mais visitas caso adote o mobile first.

O contrário também é verdade: se continuar privilegiando a versão desktop, e não der atenção ao modelo de indexação do Google, poderá ver sua posição cair mais e mais.

Além disso, pode ter certeza de que seus concorrentes também já estão atentos a essa mudança. Se eles se adaptarem e você não, muitos potenciais visitantes do seu e-commerce irão acessar outras páginas.

2. Qualidade das visitas

Apesar de a quantidade ser importante, a qualidade é mais ainda. Mas como determinar se uma visita tem esta característica? Há algumas maneiras.

A primeira delas é analisar o tempo médio que os usuários passam em cada página. Outro fator essencial é o engajamento (comentários, cliques, cadastro etc.).

Os usuários estão cada vez mais acostumados a encontrarem experiências agradáveis e eficientes, o que os deixa mais exigentes.

Se não oferecer uma navegação de qualidade em dispositivos móveis, seu site logo terá uma queda na qualidade das visitas, com acessos que duram pouco tempo e usuários que não interagem com seu conteúdo.

3. Experiência do usuário

Todas as mudanças de algoritmo do Google têm por objetivo melhorar a experiência do usuário.

Considere uma pessoa que acessa seu site de um smartphone, mas que encontra uma experiência que foi toda projetada para telas grandes.

Será difícil enxergar o conteúdo, clicar em botões e preencher formulários. Em resumo: uma experiência péssima de navegação, que vai frustrar esse usuário.

O Google não vai recomendar uma página dessa em suas buscas, então vai deixar sites assim “escondidos” nos resultados de pesquisa.

Resumo

Espero que, com este conteúdo, você tenha entendido o que é mobile first e qual é a sua importância no mercado digital. Sem dúvidas, este é um ponto que deve ser levado em consideração no momento de criar o seu negócio online.

Antes de ir embora, confira um resumo sobre o conteúdo que vimos por aqui:

O que é mobile first?

Mobile first é uma prática de marketing digital que tem como foco dispositivos móveis na criação de produtos e serviços digitais.

O que é ranqueamento?

Ranqueamento é a classificação que determina a ordem em que as páginas aparecem nos resultados de busca em mecanismos como o Google e o Bing, com base na relevância e qualidade dos conteúdos.

Como o mobile-first index funciona?

O mobile-first index é uma política do Google que prioriza páginas na versão mobile no momento da indexação e do ranqueamento.

Como se adaptar ao mobile first?

  1. Tenha um layout responsivo
  2. Acelere o carregamento das páginas
  3. Crie conteúdo para todos os tipos de dispositivos
  4. Busque plataformas mobile first

Quais são as vantagens do mobile first?

  1. Pode aumentar seu tráfego orgânico
  2. Aumenta a qualidade das visitas
  3. Melhora a experiência do usuário

E, se você ainda não vende online, o que acha de criar uma loja virtual e testar gratuitamente a Nuvemshop por 30 dias? A plataforma líder na América Latina, além de ser mobile first, oferece toda a estrutura necessária para potencializar sua história de sucesso. 💙

Faça como +90 mil lojas e
crie a sua Nuvemshop

Testar 30 dias grátis
Crie a sua loja na Nuvemshop

Nosso site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao acessar o site da Nuvemshop, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies