Cobrança recorrente: como usar para alavancar seu negócio [guia + exemplos]

Por: Giovanna Ghirardello

Homem segurando cartão de crédito, como quem está preenchendo informações de pagamento para cobrança recorrente

Cobrança recorrente é um modelo de pagamento em que o valor de um produto ou serviço é cobrado de forma periódica durante um certo espaço de tempo, podendo ser mensal, trimestral, semestral etc. Geralmente é utilizado por empresas com programas de planos e assinaturas.


Alguns valores costumam ter seu espaço fixo no nosso orçamento mensal. Por isso, a cobrança recorrente é a maneira mais fácil de oferecer facilidade e rapidez aos clientes em relação a pagamentos, ao mesmo passo que seu negócio tem uma gestão financeira mais segura e eficaz.

Para te ajudar a entender melhor esse modelo de cobranças, fizemos este artigo contando tudo: o que é cobrança recorrente, quais os tipos e como usá-la para alavancar seu negócio. Vamos lá?

Crie sua loja virtual
Criar loja grátis
&utm_medium=banner&utm_campaign=blogpost” img-desktop=”https://d26lpennugtm8s.cloudfront.net/assets/blog_pt/rebranding-BR-Desktop-generic-trial-extended.jpg” img-mobile=”https://d26lpennugtm8s.cloudfront.net/assets/blog_pt/rebranding-BR-mobile-generic-trial-extended.jpg”]

O que é cobrança recorrente?

Cobrança recorrente é uma forma automática de realizar algum tipo de cobrança, com uma periodicidade e espaço de tempo específicos. Os pagamentos geralmente são realizados por meio de cartão de crédito, débito ou boleto bancário.

A cobrança recorrente é usada em clubes de assinatura e outros serviços que requerem pagamentos em datas pré-definidas, como espaços de atividade física e plataformas de streaming.

Como funciona a cobrança recorrente?

A cobrança recorrente geralmente é feita por meio de algum aplicativo ou software que oferece essa opção. Após indicar os preços e planos do seu produto ou serviço, seus clientes devem selecionar o período de tempo desejado, acrescentar informações de pagamento e pronto.

Dessa forma, seus consumidores não precisarão passar por um processo tedioso de checkout a cada vez que desejarem renovar suas assinaturas. Com esse modelo de cobrança, a cada mês os pagamentos são feitos de forma automática, da forma escolhida por seus clientes, sem que eles precisem fazer nada de novo.

Vale a pena usar a cobrança recorrente?

Com o crescimento de um negócio, surgem novos desafios relacionados ao tempo e à velocidade de processos. Afinal, administrar os valores e prazos de pagamento de 15 ou 20 pessoas não é o mesmo quando esse número chega a 50 ou 60.

Por conta disso, ter à disposição um sistema que automatiza o processo de cobrança é uma excelente forma de ter maior controle financeiro sobre sua empresa, além de aumentar suas chances de fidelizar clientes. Essas são algumas das vantagens:

  • Maior previsibilidade de receita;
  • Menos inadimplência;
  • Otimização de tempo e esforços;
  • Melhor relacionamento com consumidores;
  • Mais segurança contra fraudes.

Em resumo, a cobrança recorrente acrescenta o fator comodidade na relação entre lojistas e clientes, criando um sentimento de facilidade e confiança mútua entre ambas as partes.

Crie sua loja virtual
Criar loja grátis
&utm_medium=banner&utm_campaign=blogpost” img-desktop=”https://d1ih8jugeo2m5m.cloudfront.net/2021/11/banner-criar-loja-nuvemshop-2.jpg” img-mobile=”https://d1ih8jugeo2m5m.cloudfront.net/2021/11/banner-mobile-criar-loja-nuvemshop-2.jpg”]

Quais empresas podem usar da cobrança recorrente?

As cobranças recorrentes surgiram como uma facilidade para pagamentos de serviços e produtos que possuem uma periodicidade definida. Separamos alguns exemplos de negócios que são mais propícios a usar esse modelo de cobrança. Confira:

Modelos de cobrança recorrente

A cobrança recorrente pode ser feita com diferentes formas de pagamento. Com isso em mente, explicamos melhor cada uma delas abaixo. Confira:

Cartão de crédito

O cartão de crédito é a forma de pagamento mais comum na cobrança recorrente. O valor geralmente é descontado de forma automática a cada período, com os devidos avisos e distinções na fatura.

A vantagem do uso do cartão de crédito no modelo de cobrança recorrente é que, no formato tradicional, se a compra for feita de forma parcelada, o saldo precisa ser equivalente ao valor completo do serviço ou produto desejado. Com a cobrança recorrente, as coisas são diferentes.

Se seu cliente deseja um curso com um valor total de 300 reais por um período de seis meses, no modelo de cobrança normal, ele precisará do limite referente a esse valor completo. Por meio da cobrança recorrente, ele só precisa de um limite de 50 reais para a cobrança mensal.

Débito automático

O débito automático funciona de forma similar. A diferença aqui é que, no lugar da cobrança ser feita no cartão de crédito, o valor é subtraído do saldo da conta do seu consumidor. Para que tudo corra bem, é necessário que o consumidor tenha saldo suficiente.

Nesse caso em específico, seu cliente precisa autorizar o débito automático junto à instituição financeira. Geralmente, esse processo pode ser feito virtualmente por meio do site ou aplicativo do banco em questão.

Boleto bancário

Apesar de existirem soluções de pagamento mais modernas, o boleto bancário segue sendo uma opção bastante usada, principalmente por aqueles que evitam o uso do cartão de crédito. Nesse caso, o pagamento não é feito de forma automática, já que o cliente precisa realizá-lo de forma manual.

Apesar disso, o pagamento de boletos tornou-se algo mais simples com o passar do tempo, com instituições financeiras possibilitando que seus clientes os paguem por meio de aplicativos ou no site oficial do banco.

💡 Saiba mais: Meios de pagamento para e-commerce: quais são os melhores?

Como fazer cobrança recorrente?

Para aplicar a cobrança recorrente na sua empresa, antes você precisará de algum programa ou ferramenta de automação voltada para esse fim. Nas lojas virtuais da Nuvemshop, é possível contar com o Cakemoney, aplicativo que permite a criação de diferentes planos de assinatura que poderão ser escolhidos pelos seus consumidores.

Fora as funções básicas, o Cakemoney também permite a criação de períodos de tempo personalizados, além de contar com um serviço antifraude incluso. Para criar um formato de cobranças recorrentes na sua empresa, é necessário definir os seguintes elementos:

Planos

Antes de tudo, será necessário criar diferentes planos. Para isso, recomendamos que você use a criatividade e conheça bem seu produto, de forma que seja possível acrescentar diferentes vantagens a cada opção oferecida, com novos produtos, brindes ou benefícios.

Valores de parcelas

Definidas as opções de cada plano, chegou a hora de precificá-los de acordo com o que é oferecido. Muitas empresas oferecem pelo menos três opções de valores, dessa forma é possível alcançar pessoas com realidades financeiras diferentes.

Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet pelo seu computador

Periodicidade

A periodicidade é o tempo estabelecido entre uma cobrança e outra. Pode ser semanal, mensal, trimestral, semestral ou como você preferir. A regra é pensar na forma como seus clientes se relacionam com seu produto ou serviço e oferecer as opções que estão mais alinhadas a isso.

Exemplos de cobrança recorrente

A fim de te ajudar a visualizar melhor como funciona a cobrança recorrente, separamos alguns exemplos comuns de empresas que a utilizam. Confira:

Netflix

A cobrança recorrente é bastante comum entre as plataformas de streaming de séries e filmes, sendo a Netflix a de maior visibilidade. Neste caso, um valor mensal é cobrado do cliente com base em diferentes planos e variáveis, como a qualidade da transmissão e o número de telas disponíveis.

Spotify

Com um modelo parecido com o exemplo anterior, a diferença está no serviço oferecido: o Spotify é uma plataforma de streaming de música. Por um valor fixo cobrado a cada mês, usuários têm à disposição milhões de músicas de artistas de todo o mundo, com opções de planos individuais e em grupo.

TAG Livros

A TAG é um clube de assinatura de livros que envia mensalmente uma caixa com um livro, uma revista e uma surpresa para seus assinantes. Com mais de 8 anos no mercado, esse é um modelo de negócio com cobrança recorrente que se provou bastante lucrativo com o passar do tempo.

Glambox

Seguindo o modelo do exemplo anterior, a Glambox é um clube de assinatura que oferece uma nova caixa com produtos de beleza e bem estar a seus clientes a cada mês. É possível escolher entre diferentes planos com diferentes fins, personalizando as entregas para incluir itens que são de maior interesse de cada consumidor.

Tudo entendido sobre o que é cobrança recorrente?

Esperamos que, ao fim do nosso artigo, tudo tenha ficado claro sobre esse modelo de cobranças que facilita processos e auxilia na retenção de clientes. Se seu negócio oferece algum tipo de produto ou serviço que seus consumidores necessitam de forma periódica, você só tem a se beneficiar com um sistema de cobrança recorrente.

Dito isso, que tal adotar esse modelo para sua loja hoje mesmo? Com a Nuvemshop e a integração Cakemonkey, é possível catalogar todos seus produtos e serviços e oferecer diferentes planos. Sua loja virtual estará no ar em poucos minutos, sem que você precise de nenhum conhecimento técnico e com 30 dias gratuitos. 💙

Aqui você encontra:

Perguntas frequentes sobre cobrança recorrente

Cobrança recorrente é um modelo de cobrança que acontece de forma periódica, ou seja, em uma data pré-definida, durante um determinado espaço de tempo. É o formato mais usado em plataformas de streaming e clubes de assinatura.

Para fazer cobrança recorrente, é necessário algum software ou aplicativo capaz de automatizar esse processo. Com o aplicativo em mãos, você deverá definir diferentes planos, preços, a periodicidade desejada, meios de pagamento e um período de adesão.

Consumidores escolhem um plano com valores, periodicidade e benefícios definidos, acrescentam sua opção de pagamento preferida e, por meio de algum processador financeiro, são cobrados durante um certo espaço de tempo.

Faça como +100 mil lojas e
crie a sua Nuvemshop

Criar loja grátis
Crie a sua loja na Nuvemshop

Quer mudar de vida vendendo pela internet?

Crie agora sua loja virtual com a Nuvemshop e venda de maneira profissional.

Criar minha loja

Nosso site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao acessar o site da Nuvemshop, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies