Os 5 principais erros cometidos por blogueiros (e como evitá-los)

Por: Luane Silvestre

Borracha em ponta de lápis apaga papel, representando os erros de blogueiros

Ter blog é divertido, cria presença na internet e traz um excelente retorno. Apesar de simples, contudo, requer alguns cuidados de criação e manutenção, nem sempre tão claros a quem está investindo nesse espaço.

💡 Saiba mais: Como criar um blog de sucesso?

A seguir, veremos alguns dos erros mais comuns entre blogueiros (iniciantes ou experientes) e o que você pode fazer para evitá-los e garantir o sucesso da sua página:

Promover a “poluição visual”

Já falamos sobre a importância de elaborar um layout harmonioso e sutil para o seu blog, mas é importante reforçarmos essa questão. Cores demasiadamente contrastantes, excesso de fontes e elementos desalinhados podem cansar rapidamente a visão do visitante, fazendo com que ele desista da leitura.

Outro fator que você precisa considerar é a formatação de todas as suas imagens e textos — seguir um padrão visual sempre sugere profissionalismo e dedicação. Use o mesmo esquema de cores e fontes em todo o conteúdo (uma tipografia especial para destacar os títulos ou dar um toque personalizado na assinatura dos posts, por exemplo), buscando manter um certo equilíbrio.

Não caprichar no conteúdo

O ideal é que o conteúdo do seu blog seja realmente relevante para quem o lê e, principalmente, transmita informações verídicas. Não publique nada de que você não tenha absoluta certeza – ou ao menos avise ao público quando algo ainda não está 100% determinado (como a data de um evento ou o valor de um produto não lançado). Evite também propagandas diretas, sem teor informativo.

Transparência é fundamental em todas as relações, e isso inclui a que você, como autor do blog, construirá com os seus leitores. Fazer afirmações enganosas, incertas ou de caráter exclusivamente publicitário pode prejudicar gravemente a sua credibilidade. Produzir conteúdo de qualidade não é fácil — requer pesquisa e constante aprimoramento — mas, sem dúvida, vale a pena.

Não criar páginas institucionais

Muitas vezes deixadas em segundo plano, as páginas institucionais podem dizer muito sobre o seu comprometimento com o blog e são um excelente recurso para trazer informações importantes que nem sempre cabem nos posts.

A página de “Sobre”, por exemplo, permite ao leitor conhecer um pouco mais de você ou do seu negócio. É o espaço ideal para contar sua história, apresentar a proposta dos seus produtos e convidá-lo oficialmente a conhecer sua loja virtual, por exemplo.

Outra página bastante comum e relevante em blogs é a de “Contato”. Nela, é possível incluir um formulário ou simplesmente informar seu endereço de e-mail e suas redes sociais. Assim, quando um visitante quiser falar com você de maneira “particular”, saberá exatamente onde procurar o melhor canal.

Ignorar a usabilidade

A usabilidade é um ponto importante a ser considerado no desenvolvimento de qualquer página da web – e não seria diferente com o seu blog. Coloque-se no lugar do seu leitor e avalie sua experiência de navegação. O que pode ser aprimorado para que ele permaneça por mais tempo em seu espaço?

Um elemento muitas vezes esquecido de ser avaliado pelos blogueiros é o sistema de comentários. Algumas plataformas como o Blogger e o WordPress oferecem um incluso, mas será que ele é suficiente?

Dependendo da sua demanda e dos dados que você deseja obter do seu público, pode ser interessante procurar um serviço diferente, como o Disqus ou o próprio sistema do Facebook. Não se esqueça também de desativar o captcha, que faz muitas pessoas desistirem de escrever.

Verifique ainda cada um dos recursos do seu blog para analisar se eles não estão deixando o carregamento da sua página mais lento. Talvez seja necessário reduzir a quantidade de plugins ou publicar vídeos com qualidade mais baixa.

Por fim, ative o feed do seu blog. Atualmente, muitas pessoas preferem acompanhar postagens por meio de um centralizador de conteúdo como o Feedly e o Bloglovin, que agrupam novidades de diversas páginas para que seus usuários ganhem tempo.

Deixar de responder comentários

O grande trunfo dos blogs é possibilitar um diálogo constante e diversificado entre quem lê e quem escreve. Depois que as pessoas encontrarem o seu e se manifestarem, você precisará continuar a interação – ou todo o trabalho para atrai-los terá sido em vão.

Se você realmente deseja ver seu blog crescer e desenvolver um relacionamento com o seu público, separe um tempo diário ou semanal para responder aos comentários, fazendo outros questionamentos para prolongar a conversa. É com essa troca que você conquistará leitores fieis e interessados em saber o que você tem a dizer.

Tudo certo?

Prestando atenção a esses fatores você terá um blog atrativo e agradável aos visitantes. Nas próximas aulas, aprenderemos a analisar os resultados do seu trabalho e tomar novas direções.

Ainda não tem um e-commerce? Crie sua loja virtual por até 30 dias grátis com a Nuvemshop e veja por que vale a pena vender pela internet.

Aqui você encontra:

Faça como +90 mil lojas e
crie a sua Nuvemshop

Testar 30 dias grátis
Crie a sua loja na Nuvemshop

Nosso site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao acessar o site da Nuvemshop, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies