23/05/2015

Usabilidade: os primeiros passos

Usabilidade ecommerce

Atualmente, se escuta falar muito em temas como usabilidade, layout focado em usabilidade, modelos mentais, e assim por diante, mas o que significam estes conceitos? Do que se tratam exatamente? É isso que vamos abordar nesta aula.

O que é usabilidade?

O primeiro passo e mais importante de tudo é entender justamente este conceito. Usabilidade se refere à facilidade com que as pessoas podem utilizar uma ferramenta específica ou qualquer objeto com o fim de alcançar um objetivo concreto. Em geral, é um termo que se usa muito no âmbito de aplicativos web e mobile, mas, na realidade, qualquer situação cotidiana pode (ou não) ter esta boa usabilidade.

Com este conceito claro, falta responder outra dúvida: o que é o layout focado no usuário? Para que serve? O layout focado para o usuário é um layout personalizado de acordo com as necessidades, características e comportamento de quem vai navegar em uma determinada página.

O objetivo é ter não só um visual bonito, mas também combinar o que o usuário pensará com o que se deseja que ele faça nesta página. Por exemplo: um layout pensado para fazer o processo de compra ser cada vez mais intuitivo ou o site de um espaço público ter uma navegação rápida até a informação de contato ou horário de funcionamento.

Resumindo? No cenário web, usabilidade serve para tornar fácil, simples e intuitiva a navegação de um usuário em uma determinada página.

Testes de usabilidade

Existem vários métodos para testar a usabilidade de uma ferramenta ou sistema. A mais comum é o teste de usabilidade.

O que é um teste de usabilidade?

É um teste de observação de usuários reais enquanto utilizam e realizam tarefas nesta ferramenta, site ou aplicação. É uma maneira de obter informações fiéis dos usuários, analisando não só suas opiniões, mas a navegação real, automática e específica de cada um.

Os testes têm como objetivo melhorar a funcionalidade do produto, dizendo quais as dificuldades o usuário encontrou para cumprir determinado objetivo, bem como os campos que mais chamaram sua atenção e que tipo de coisas os distraíram da meta desejada.

Desta forma, um teste de usabilidade permitirá:

  1. Encontrar possíveis problemas no funcionamento de uma página ou aplicativo, por exemplo;
  2. Avaliar possíveis soluções para estes problemas;
  3. Entender e comparar seu próprio produto com a concorrência, desenvolver planos de desenvolvimentos futuros e fazer modificações nos projetos já ativos.

O que considerar ao realizar testes de usabilidade?

Com os benefícios de realizar um teste de usabilidade em mente, é importante ainda considerar as tarefas básicas para se realizar um teste com sucesso. Alguns pontos-chave devem ser levados em conta para se obter um bom resultado de toda a experiência:

1. Defina os objetivos a se avaliar

Se você quer avaliar um e-commerce, por exemplo, deve-se avaliar se há necessidade de iniciar uma sessão na loja para poder ver os produtos. Ou se, por exemplo, os botões de compra estão claros. Quem sabe até verificar se o cliente consegue identificar facilmente como preencher os dados de entrega. Trace quatro ou cinco objetivos que você gostaria que o usuário realizasse no site e acompanhe a navegação ponto a ponto.

2. Identifique potenciais usuários para recrutar para este teste

Tenha em mente pelo menos cinco a sete usuários relacionados com seus objetivos. Por exemplo: se você quer testar uma loja de roupas femininas, tenha em mente ter um público muito mais focado em mulheres do que homens. Ou se, por exemplo, você gostaria de testar uma loja de produtos artísticos, tenha certeza de chamar pessoas que trabalhem na área.

3. Determine as tarefas a serem solicitadas durante o teste

Uma vez que todos os passos que você deseja de um usuário estão selecionados, crie um guia de referência para o teste. Peça, por exemplo, para que o usuário compre três peças de cores diferentes, ou então que ele encontre seu produto preferido dentro de uma categoria específica. Basicamente, crie uma pequena lista de tarefinhas que ele precisará cumprir durante a navegação.

4. Prepare o teste

Para a preparação e realização do teste, selecione um ambiente tranquilo, com um espaço confortável para o usuário, de forma que ele não tenha muitas distrações externas. Caso você não consiga instalar sistemas de monitoramento nos computadores utilizados, para acompanhar de outro ambiente tenha disponível alguns observadores que anotarão tudo que está acontecendo durante as navegações.

Se em algum ponto o usuário ficar travado, você pode tanto pedir que troque de tarefa quanto solicitar novamente até que consiga. Depende de quanto de informação você já adquiriu durante o processo.

5. Analise o comportamento

Ao analisar resultados e propostas de solução, tenha em conta sempre o comportamento da maioria dos usuários. Se seis de sete pessoas não conseguiram realizar determinada navegação, mesmo que para a outra pessoa tenha sido extremamente fácil, é importante verificar em que passo elas travaram para conseguir corrigir.

Se três pessoas de sete tiveram problemas em achar o campo de CEP, por exemplo, vale deixar pelo menos um pouco mais destacado. E mesmo que apenas uma pessoa só tenha encontrado determinada barreira, vale solicitar que ela faça novamente o processo para entender exatamente o que pode estar dificultando o caminho até o objetivo final. Lembre-se que estas poucas pessoas são uma amostra de todo o seu público-alvo.

Existem também algumas empresas especializadas em fazer esses testes de usabilidade. Caso você não possa realizá-los por qualquer motivo, é sempre possível fazer uma parceria com elas para otimizar ao máximo o trabalho entregue ao cliente. E claro, usar a experiência de um teste para o outro: tudo que você aprender sobre navegação através de um teste de usabilidade pode ser útil nas próximas criações. Então fique ligado!

A Nuvem Shop tem todo o trabalho de otimização da informação para atingir a melhor usabilidade possível. Se você não é nosso parceiro e gostaria de utilizar nossas soluções para seus clientes, cadastre-se hoje.

Data da última atualização: 16/02/2018


O que você achou desse conteúdo?


Dannie Karam

Com mais de 10 anos de experiência em gerenciamento de projetos digitais, Danniela é comunicadora, escritora e líder do time de Branding da Nuvem Shop. Gosta de música, viagem, pessoas e culturas. E sempre fala demais, especialmente quando escreve de si em terceira pessoa.


    usabilidade-os-primeiros-passos