23/10/2017

Nova Plataforma de Cobranças: entenda o fim do boleto sem registro

mulher navegando no notebook fim do boleto sem registro

Recentemente, a Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN) anunciou o projeto da Nova Plataforma de Cobranças, que traz o fim do boleto sem registro. O tema tem sido pauta de discussões entre instituições financeiras e empresários em todo o Brasil, principalmente entre aqueles que apostam na venda online -, pois tal comércio tem o boleto bancário como segundo principal meio de pagamento.

Ao que tudo indica, o principal objetivo do projeto anunciado pela entidade é trazer mais segurança e transparência para o mercado de pagamentos. No entanto, grande parte dos comerciantes têm preocupação com os desafios que podem surgir em torno de seu capital de giro, visto que a medida pode trazer aumento no custo de seus negócios. Em pesquisa realizada pelo E-commerce Brasil, em parceria com o SEBRAE, foi revelado que 75% dos consumidores optam pelo boleto bancário devido às baixas taxas do método.

Por isso, por meio de redes sociais, os mesmos criticam a nova medida: “Quem vai pagar o pato é o consumidor final”, opinou um dos clientes. Para eles, a medida representa aumento no valor dos produtos, já que há a possibilidade do vendedor incluir o custo das taxas do boleto registrado.

Confira a seguir os pontos que lojistas e clientes precisam saber sobre a Nova Plataforma de Cobranças e acabe – de vez – com as suas dúvidas sobre as novas regras:

infografico explicando o boleto registrado

Considerado mais ágil e seguro, o novo método ganhou a obrigatoriedade de algumas informações, como o CPF ou CNPJ do emissor e do pagador, data de vencimento e valor do documento. Ao obter esses dados, todo o processo será facilitado, pois a Plataforma de Cobrança fará uma consulta automática das informações dos clientes. A operação só será validada, se contiver dados compatíveis no boleto impresso. Caso contrário, o pagamento não será atualizado.

Essa nova função busca também a transparência no relacionamento com o usuário. Na Nova Plataforma, os boletos de proposta – expedidos sem autorização do destinatário – serão controlados para que não haja pagamento de boletos em duplicidade, por exemplo. Se você quiser aprender mais sobre como emitir o boleto registrado, entre em contato com o Moip.


Crie sua loja virtual e venda pela internet
Crie sua loja virtual e venda pela internet

Data da última atualização: 30/08/2018


O que você achou desse conteúdo?


Thiago Maboni

Thiago Maboni cuida do posicionamento orgânico e do Blog do Moip. Ele ama ajudar amigos com negócios online e agora, por meio do Blog do Moip, tem colaborado com empreendedores de todo Brasil. Você pode encontrá-lo discutindo marketing e tecnologia no Linkedin ou polemizando em grupos do Facebook.


    nova-plataforma-de-cobranas-entenda-o-fim-do-boleto-sem-registro