23/06/2016

5 lições de empreendedorismo que aprendemos com os Stark, de Game of Thrones

Sansa e Jon Snow

Se você é fanático por Game of Thrones, então é gente como a gente! Sofre, torce, espera… E nós te entendemos, especialmente depois dos últimos acontecimentos. Mas não é só de desespero que precisamos preencher nossos domingos. A série que enche nossos feeds de notícias também pode trazer umas boas lições sobre empreendedorismo, por exemplo.

Quer ver só? A gente te mostra. Só um forte ALERTA: se você não estiver em dia com a série, vai ter SPOILER pra dedéu! Então, se for o caso, volte duas casas, assista tudo e depois chega aqui pra ver as cinco lições de empreendedorismo que aprendemos com os Stark:

1. Estude seu mercado

A batalha dos bastardos mexeu com as nossas emoções. Mas ela começou antes do nono episódio da sexta temporada. Note que no oitavo capítulo, os Stark, que queriam o irmão (Rickon) e a terra (Winterfell) de volta dos Bolton, conversam em uma mesa com vários “conselheiros” sobre o que fazer.

Sansa e Jon Snow falavam sobre quais ações tomar para reconquistar Winterfell, estudavam se a guerra era a melhor opção, o que iam dizer e como iriam fazer. Colocando todos os pontos fortes e fracos na mesa, debateram sobre o que encontrariam pela frente, como a “concorrência” (os Bolton) ia agir, quais recursos possuíam… E no seu negócio, você precisa fazer o mesmo!

Estude o seu produto, como ele pode ajudar e o que ele tem de fraquezas em relação aos competidores do mercado. Estude suas capacidades também, até onde você pode ir, investir, se dedicar e o quanto você precisará se esforçar para que seu negócio dê certo e você saia vitorioso.

Fale com pessoas de confiança do mercado, procure conteúdo especializado, informe-se sempre! Quanto mais detalhes você conseguir prever e estabelecer, mais chances terá de saber o que fazer na hora da guerra ação.

2. Faça parcerias de qualidade

Depois de entender que estavam em minoria diante do exército do te odeio Ramsay Bolton, Jon Snow e Sansa partiram para a estrada (com a ajuda do agora fiel escudeiro Ser Davos) atrás de casas que pudessem ajudá-los na briga por Winterfell. Expuseram suas situações mais realistas e usaram de todos os argumentos – até mesmo de seus valores – para fechar parcerias estratégicas que os ajudassem a conquistar seu objetivo. E o que o seu negócio tem com isso? TUDO!

Escolher prestadores de serviço de confiança, se aliar a marcas de credibilidade e ter vínculos com os maiores representantes do mercado podem ajudar demais em seu crescimento. Até mesmo se o parceiro for de menor porte, mas tiver disposição a trabalhar em conjunto, é válido para sua empresa. Para quem quer ter um e-commerce, escolher uma plataforma confiável (dica: Nuvem Shop), meios de pagamento bem aceitos e meios de frete de amplo alcance são os primeiros passos para progredir.

3. Enfrente a concorrência de frente

Chega o dia da batalha. Dez da noite. Domingão. Hora do Sai de Baixo bicho pegar. Jon-sabe-de-nada-Snow até que sabe das coisas e entende muito bem que está em desvantagem. Mesmo assim, ele enfrenta Ramsay de frente. Fala de igual pra igual, faz pressão, mostra que pode não ter quantidade, mas tem qualidade. E acaba nos dando mais uma dica essencial sobre empreendedorismo: não importa se você é pequeno, se é novo, se é diferente… você tem pontos bons e deve destacá-los na hora do combate com a concorrência.

Ter muito claro quais são suas principais vantagens e usá-las para conquistar o mercado é essencial. Nada de baixar a cabeça para outros players do mercado por serem maiores ou terem mais investimento. Se eles são enormes, ofereça um atendimento mais personalizado. Enquanto você não tem o mesmo investimento em publicidade, foque-se em cumprir prazos de entrega. Eles têm produções enormes? Dedique-se em entregar tudo com o máximo de qualidade. Tudo isso será sentido por seus clientes, que farão questão de estar ao seu lado na “briga”.

4. Não desista do seu negócio em momento algum

Se tem uma cena que representa a vida de um empreendedor é aquela que os Bolton cercam o exército dos Stark e começam a ferir todo mundo. Nem mesmo o gigante parece ter potencial de reagir. Jon está sendo literalmente pisoteado, todo mundo está desesperado e parece que não vai ter outro jeito que não se entregar. Mas eis que a linda da Sansa chega com seus amigos e dá aquele fôlego extra para que os selvagens, Snow e companhia se recuperem. E é exatamente assim no mercado!

Crise, problemas com fornecedor, sazonalidades… tanta coisa faz um empreendedor querer desistir! Mas, assim como em Game of Thrones, persistência é fundamental. Você nunca sabe quando tudo pode mudar e uma mão amiga surgir. Ou seja: esteja preparado para ter fôlego nos momentos mais asfixiantes. Prepare-se ao máximo financeira e psicologicamente, pois nenhum negócio começa fácil.

É preciso estar disposto a lutar arduamente, afinal, nem todos que tentam conseguem, mas todos que conseguem persistiram em algum momento. E assim como no domingo, lágrimas de felicidade correm quando você sai da lama e bota a casa em ordem!

5. Defenda sua marca

Após conquistar o objetivo desejado, muito empreendedor cai do cavalo mais feio que o chupa essa Ramsay. Por quê? Porque depois de alcançar certa estabilidade, alguns param de cuidar devidamente do negócio. No entanto, nosso querido Jon Snow não vai embora sem nos deixar mais uma preciosa lição: quando você arruma a casa, precisa fazer a gestão da marca. É isso que vai fazer o coração da clientela bater tão forte quanto o nosso quando viu a bandeira dos Stark descer por Winterfell novamente!

Administre sua marca com cuidado. Exponha, publique, divulgue. Reforce sua potência e seus valores frequentemente. A guerra pode estar ganha e você pode estar sorrindo mais do que a Sansa depois de alimentar os cachorros com aquela carne de terceira, mas sua marca não pode ficar esquecida, ou a série morre.

Invista em mais produtos, dedique-se a melhorar a estrutura do seu negócio, amplie, aprofunde seus conhecimentos, aposte no treinamento de funcionários… Faça tudo que estiver ao seu alcance para transformar seu lar em uma fortaleza. Afinal, você pode ter tirado uns Boltons do caminho, mas a menos que você seja a mãe dos dragões, nunca é demais ficar ligado.

Entendido?

Se você já quer começar a se preparar agora mesmo para domingo que vem o que vem pela frente em seu negócio, aproveita e dá uma olhada na nossa Universidade do E-commerce e em nosso canal do Youtube. Tem muito conteúdo bacana pra você arrasar mais que a Arya quando diz que a garota é uma Stark.

E se você quer começar um negócio próprio hoje mesmo, acesse o site da Nuvem Shop e cadastre-se. Com 15 dias grátis você pode testar nossa ferramenta sem compromisso e tirar todas as suas dúvidas sobre como empreender online. Nos vemos nos próximos episódios!

Data da última atualização: 16/03/2018


O que você achou desse conteúdo?


Dannie Karam

Com mais de 10 anos de experiência em gerenciamento de projetos digitais, Danniela é comunicadora, escritora e líder do time de Branding da Nuvem Shop. Gosta de música, viagem, pessoas e culturas. E sempre fala demais, especialmente quando escreve de si em terceira pessoa.


    5-lies-de-empreendedorismo-que-aprendemos-com-os-stark-de-game-of-thrones